Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

1 FEST SHOW EM PITIMBU NESTA SÁBADO


INGRESSO ANTECIPADO NO VALOR DE R$ 10,00

Polícia faz apreensão recorde de cocaína no Estado; Droga foi trazida por casal do RN


A Polícia Civil da Paraíba realizou, na tarde desta sexta-feira (30), a maior apreensão de cocaína registrada no Estado. Os policiais da Delegacia de Repressão ao Entorpecente (DRE) apreenderam 10 quilos da droga pura e 20kg  na forma de crack em uma residência localizada no bairro de Mangabeira VIII, na Capital. Duas pessoas foram presas e uma adolescente apreendida.
“Nunca apreendemos tanta cocaína de uma só vez. Esse trabalho demonstra o empenho da polícia no combate ao tráfico de entorpecente e se reflete também na diminuição do número de homicídios no Estado porque os assassinatos estão intimamente relacionados ao comércio de drogas”, analisa o titular da Gerência de Polícia Civil Metropolitana, Wagner Dorta.
De acordo com delegado, a droga foi trazida para a Paraíba pelo casal Janilson Barbosa Costa, 33 anos, e Alessandra Macio Gonzaga do Nascimento, 38 anos, ambos naturais de Natal (RN). “Realizamos um trabalho prévio de investigação. Estávamos ha algum tempo acompanhando os passos desse casal e esperamos o momento oportuno para realizar a apreensão”, revela o delegado.
Combate ao tráfico -  De janeiro a setembro de 2012 foi apreendida mais de tonelada de droga, sendo 92 quilos de cocaína em forma de crack, 5 quilos de cocaína pura e 404 de maconha. Muitos líderes do comércio de entorpecente que atuavam na Paraíba também foram presos.
Apenas durante a Operação Liberdade, iniciada no dia 31 de agosto, mais de 100 quilos de maconha foram retirados de circulação e 25 pessoas presas por tráfico de drogas. No mesmo mês, na Operação Eclipse, 10 pessoas foram presas nos municípios de Pilar, São Miguel de Taipú e João Pessoa. Na última quarta-feira (28) outros seis traficantes foram presos em Pitimbu, Litoral Sul da Paraíba.  Muitas das pessoas presas também tinham envolvimento com outros tipos de crimes como roubos e homicídios.
Secom PB 

Costa das Piscinas (PB) terá plano de marketing

Segundo o governo paraibano, o diretor de Marketing da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Temístocles Cabral, reuniu-se ontem (quinta-feira, dia 29) com a consultora do Banco Interamericano de Desenvolvimento (Bid), Carmem Altés, e o professor da UFPB, Ignácio Tavares, para repassar os dados estatísticos sobre o fluxo turístico na Paraíba. Os dados servirão para alinhar o Termo de Referência que vai embasar o edital de licitação para o Plano de Marketing do projeto Costa das Piscinas.

O projeto Costa das Piscinas faz parte do Prodetur II e visa a estruturação de um polo turístico da Paraíba, com um investimento de R$ 65 milhões do banco, com contrapartida do governo paraibano. Cinco municípios que fazem parte da faixa litorânea serão beneficiados com o projeto: Cabedelo, João Pessoa, Pitimbu, Conde e Bayeux – este último devido a localização do aeroporto Castro Pinto. A proposta é de uma injeção de recursos para financiamento da infraestrutura turística e, com isso, dar um impulso ao setor.

Dilma decide: RJ e ES continuam com a grana do petróleo


Dilma decide: RJ e ES continuam com a grana do petróleo
Dilma decide: Rio de Janeiro e Espírito Santo continuam com a grana do petróleo

A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta sexta-feira (30) o projeto de lei de redistribuição da renda da exploração do petróleo, os chamados royalties, aprovado no Congresso. A presidente, no entanto, vetou os artigos que previam a mudança na distribuição de poços já licitados, o que prejudicaria os Estados produtores, como o Rio e o Espírito Santo, que perderiam receita.  

O anúncio foi feito nessa tarde, em Brasília, durante uma coletiva feita com a participação do ministro de Minas e Energia, Edson Lobão, e a chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann.

Após a sanção da presidente, quando há vetos o projeto de lei volta para o Congresso, onde os vetos podem ser derrubados. Caso isso ocorra, é possível que os governadores dos Estados produtores recorram ao STF (Supremo Tribunal Federal), já que teriam uma queda drástica nas receitas já no ano que vem.  

Dilma, contudo, manteve os artigos que preveem uma distribuição mais igualitária dos recursos para as reservas que ainda serão licitadas, diminuindo, no futuro, a receita aos Estados produtores e aumentando a receita dos demais Estados (não produtores).


A decisão saiu no último dia de prazo. Como o Planalto foi derrotado no Congresso na aprovação da redistribuição dos royalties, havia dúvidas se a presidente iria vetar o projeto de lei e manter a distribuição atual, sancioná-lo sem vetos para evitar desgaste com o Congresso, onde o assunto é debatido há quatro anos, ou sancionar com vetos, o que acabou ocorrendo.


Pela legislação atual de distribuição de royalties, uma parcela maior (26,25%) dos recursos é destinada aos Estados e municípios produtores. A regra beneficia o Rio de Janeiro e o Espírito Santo.  Os não produtores recebem apenas 1,76%.

A proposta prevê que a divisão seja mais igualitária, o que reduz a arrecadação dos produtores — que estão próximos das áreas exploradas e, atualmente, recebem uma fatia maior do dinheiro. O Estado do Rio de Janeiro defendia a manutenção da legislação atual, já que mais de 12% do orçamento do Estado (ou R$ 6,8 bilhões em 2011) vem dos royalties do petróleo.


Impacto

A decisão de Dilma tem duplo impacto sobre a economia nacional: de um lado, os Estados terão mudança nas fontes de recursos, e, de outro, a Petrobras terá finalmente as regras para organizar os leilões para exploração do Pré-sal em 2013. Os leilões resultarão na concretização dos projetos de exploração, e então a Petrobras dobrará de tamanho até 2020, conforme prevê a presidente da companhia, Graça Foster. O texto aprovado na Câmara há quinze dias não é a proposta original do Executivo, uma vez que as alterações deixaram de fora a previsão de repasse de 100% dos royalties à educação, como queria o governo, nas explorações de poços futuros. O projeto de partilha dos royalties do petróleo foi aprovado pelo Senado em outubro de 2011.

  Manutenção de contrato

Na última quinta-feira (29), Dilma disse que o Brasil é um país que mantém “rigoroso respeito” aos contratos.  A afirmação foi uma referência ao projeto de lei aprovado na Câmara, pelo qual as regras de divisão das receitas de exploração nos campos de petróleo já licitados seriam alteradas e os Estados beneficiados passariam a receber menos dinheiro.

A presidente Dilma, no entanto, defendeu a manutenção dos atuais contratos de exploração do regime de concessão.

  Entenda o que são royalties  

A palavra, de origem inglesa, refere-se ao dinheiro pago por um explorador de recurso natural ao proprietário da terra onde o recurso está. No caso do petróleo, os royalties são cobrados das concessionárias que fazem a exploração do produto como indenização por danos ambientais causados e também pelo risco da exploração. Para o petróleo brasileiro, o valor arrecadado é dividido entre a União, Estados e municípios


R7

Homens invadem prédio comercial e fazem reféns no centro de João Pessoa


Ainda segundo a PM, três mulheres conseguiram escapar dos criminosos porque pularam do 3º andar em cima de uma marquise.
Polícia |Por Hyldo Pereira
Foto: Emerson Machado
PM está no local
Dois homens armados invadiram o edifício comercial 5 de agosto, localizado na Avenida Duque de Caxias, no centro de João Pessoa, e fizeram diversas pessoas reféns. O caso está ocorrendo desde as 15h30, desta sexta-feira (30). Policiais militares da Força Tática, Rotam e Choque do 1º BPM estão no local e toda área do edifício está cercada.
As informações repassadas pela Polícia Militar apontam que a dupla entrou no prédio e foi em direção a um perfumaria que fica no terceiro andar – onde estão localizadas diversas lojas – e fizeram os funcionários reféns. O objetivo dos acusados, era localizar no prédio, a sala de um construtor identificado como João Azevêdo. 
Ainda segundo a PM, três mulheres e dois homens conseguiram escapar dos criminosos porque pularam do 3º andar em cima de uma marquise. O Corpo de Bombeiros está no local.
Polícia no local
Foto: Polícia no local
Créditos: Foto: Emerson Machado

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Presa quadrilha que traficava às margens de rio e mangue em Pitimbú

Doze mandados de busca e apreensão foram cumpridos por determinação da Juiz da Comarca de Caaporã
Polícia |Por Hyldo Pereira
Assessoria de Comunicação 1234
Coletiva de imprensa apresentou acusados da Operação Mangue Seco

















A Polícia Civil da Paraíba deflagrou nas primeiras horas desta quinta-feira (29), na cidade de Pitimbú, no Litoral Sul paraibano, a ‘Operação Mangue Seco’. Ao todo, sete pessoas foram presas, incluindo duas mulheres. Ainda foram apreendidos quatro revólveres calibre .38, três coletes balísticos, 48 pedras de crack, pés e sementes de maconha.

De acordo com o delegado Aldroville Grisi, a operação foi iniciada as 04h30, visando desarticular o tráfico de drogas no município. Doze mandados de busca e apreensão foram cumpridos por determinação da Juiz da Comarca de Caaporã.
“A gente vinha investigando a ação da quadrilha há seis meses que vinha traficando nas praias e centro da cidade. A principal característica dos homens era traficar nas margens de rio e mangue do município”, revelou Grisi.
Ainda de acordo com o delegado, quatro pessoas foram conduzidas coercitivamente para a Central de Polícia em João Pessoa e, em seguida, serão transferidas para a Cadeia Pública de Alhandra, na mesma região.
Foram presos em flagrante: Anderson Jovino Dias Correia, 21 anos; Eli Barbosa da Silva, 31; Josivan Rodrigues da Silva, 20; Givanildo Serafim Monteiro, 30; Gizele Maria Ferreira de Santana, 23, e Gelvânia Matias da Silva, 35 anos.  
“Essa foi a primeira ação da Polícia Civil. Mais pessoas deverão ser presas por envolvimento com o tráfico de drogas em Pitimbú”, comentou o Aldroville Grisi, informando que 70 policiais civis participaram da ação.

Seguindo exemplo de Sérgio Guerra, PB Agora revela plano ‘B’ do senador Cícero na luta pela sobrevivência política; aliado poderá ser ‘sacrificado’


Seguindo exemplo de Sérgio Guerra, PB Agora revela plano ‘B’ do senador Cícero na luta pela sobrevivência política; aliado poderá ser ‘sacrificado’
Bastante ‘amuado’ após o último resultado eleitoral em que foi literalmente ‘engolido’ pela ‘onda’ Luciano Cartaxo (PT) em João Pessoa, o senador Cícero Lucena (PSDB) adotou a tática da introspecção e já analisa junto a auxiliares a possibilidade de mudar os planos políticos e disputar uma cadeira na Câmara Federal em 2014.    

Caso concretize a operação, Cícero repetirá a mesma manobra feita com sucesso pelo presidente nacional do PSDB, o deputado federal pernambucano Sérgio Guerra que nas últimas eleições, observou um cenário desfavorável e decidiu não disputar a reeleição, conquistando uma das 25 cadeiras na Câmara Federal.    

A informação foi confirmada a reportagem do PB Agora, por um profissional que atuou na última campanha de Cícero e contou que a tese está sendo analisada pela família e por correligionários políticos.    

Assim como uma verdadeira dança das cadeiras, Lucena poderá ‘sacrificar’ o seu apadrinhado politico o deputado federal Ruy Carneiro (PSDB), que poderá disputar um mandato de Senador ou retornar para a Assembleia Legislativa na próxima legislatura.    

Enfraquecido politicamente, Cícero Lucena também sofre com o isolamento politico, pois até o presente momento nenhum dos pretensos pré-candidatos ao Governo em 2014 sinalizaram em abraçar a sua candidatura.    

O PB Agora também soube da mesma fonte, que Cícero também vem externando uma insatisfação quanto a postura política do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que segundo ele, o abandonou na última campanha.    

Como reflexão, a manobra de Cícero evidencia, assim como Sérgio Guerra que se faz necessário, na maioria das vezes saber recuar e entender o momento político completamente desfavorável.    

Nesses momentos difíceis, Cícero terá apenas uma certeza: saberá quem são seus verdadeiros amigos.    

Henrique Lima 

PB Agora  

Pioneiro na luta pelo fim dos 14º e 15º salários, Ruy parabeniza iniciativa de Janduhy


Pioneiro na luta pelo fim dos 14º e 15º salários, Ruy parabeniza iniciativa de Janduhy
Pioneiro na luta pelo fim dos 14º e 15º salários, Ruy Carneiro parabeniza iniciativa de Janduhy na Assembleia 

O único da bancada Federal da Paraíba e um dos primeiros deputados federais do Brasil a abrir mão oficialmente do pagamento dos 14º e 15º salários na Câmara Federal, Ruy Carneiro (PSDB-PB), parabenizou o deputado estadual Janduhy Carneiro (PEN) por igual iniciativa na Assembleia Legislativa da Paraíba.

-Quero parabenizar publicamente a iniciativa de Janduhy Carneiro na Assembleia. Assim como eu tive a coragem na Câmara há seis meses, fico feliz ao ver que Janduhy começa a engrossar o coro daqueles que lutam por transparência e eficiência com os recursos públicos. A sociedade brasileira cobra essa postura da classe política, grifou Ruy.

No Congresso Nacional, o fim do pagamento dos 14º e 15º salários foi aprovado em maio deste pelo Senado Federal. O texto seguiu para Câmara dos Deputados e aguarda para ser votado. Antes mesmo da votação, um pequeno grupo de deputados federais, entre eles o paraibano Ruy Carneiro, decidiu encaminhar documento a Presidência da Câmara rejeitando o pagamento este ano.

Com a morosidade da Câmara, os congressistas que não abriram mão oficialmente devem receber dois salários a mais a serem pagos no fim deste ano e no início de 2013.


Ainda em maio deste ano, o conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba (TCE), Fernando Catão, classificou o benefício pago na Assembleia da Paraíba como uma anomalia que precisava ser corrigida.


Assessoria

Na PB, governo firma TAC que garante concurso para Saúde em 2013


Vagas serão para ortopedistas e anestesiologistas em Campina Grande.
Assinatura de TAC firma compromisso do concurso para o próximo ano.

Do G1 PB
Secretário de Saúde do Estado, Waldson de Souza, assinou TAC em Campina Grande na quarta-feira (Foto: Divulgação/MP-PB)Secretário de Saúde do Estado, Waldson de Souza,
assinou TAC em Campina Grande na quarta-feira
(Foto: Divulgação/MP-PB)
O governo da Paraíba deve lançar até 2013 um edital de concurso público para contratação de médicos ortopedistas e anestesiologistas para o Hospital de Urgência e Emergência Dom Luís Gonzaga Fernandes, de Campina Grande. Na quarta-feira (28), o secretário de Saúde do Estado, Waldson de Souza, assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), firmando o compromisso.
Devido a uma decisão judicial, ortopedistas e anestesiologistas só podem trabalhar no Hospital de Urgência e Emergência, por meio de suas respectivas cooperativas, até o dia 19 de dezembro. A partir desta data, conforme uma das cláusulas do TAC, o Estado terá que contratar os serviços desses profissionais de forma individual. Este procedimento deve ser mantido até a nomeação dos médicos aprovados e classificados no concurso previsto para o ano que vem.
Ainda de acordo com o documento, na hipótese de descumprimento injustificado desses
compromissos, o Estado terá que arcar com multa diária no valor de R$ 10 mil, corrigidos
monetariamente pelo Índice Geral de Preços de Mercado (IGPM), a serem revertidos em favor do Fundo de Direitos Difusos.
No entendimento dos promotores da Saúde de Campina Grande e do Estado, respectivamente Luciano Maracajá e Adriana Amorim, o acordo firmado entre o Ministério Público e o governo do Estado dá à população de Campina Grande a garantia de que os serviços oferecidos pelo Hospital de Urgência e Emergência não sofrerão solução de continuidade.

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Marisqueira recebe carta de concessão de aposentadoria e se emociona em Pitimbu


width=300
Izabella Ferreira de Santana
Durante ação itinerante do INSS na colônia de pescadores do município de Pitimbu(PB), Izabella Ferreira de Santana, a dona Izabel deu entrada na solicitação de sua aposentadoria. Minutos depois saiu com a carta de concessão do benefício  em mãos. Ela comemorou a conquista emocionada.
Estou muito feliz, não esperava receber essa notícia hoje. Dona Izabel que começou a trabalhar na pesca do marisco desde os 13 anos de idade fala da alegria de estar aposentada. Primeiramente agradeço a Deus, depois a vocês do INSS que vieram aqui e me deram essa boa notícia. Eu trabalhei e consegui, vibra.
Aos 60 anos de idade, a aposentada que é mãe de três filhos diz que quer comemorar essa nova etapa da sua vida. Vou comprar um bolinho para festejar com a família e os amigos. E planeja. Com esse dinheiro ajudarei meu filho que é deficiente e quero também fazer uma reforma na minha casinha e construir um quartinho no fundo.
A mais recente aposentada do município de Pitimbu/PB diz que o INSS é um segurança. Graças a Deus só recebi benefícios do INSS , finalizou.(Diana Reis)

Vereador de Pitimbu defende eleição de prefeito para Associação regional

    
      O presidente da Câmara de Vereadores de Pitimbu, Elcias Azevedo (PSD),está defendendo a eleição do prefeito eleito do município, Leonardo Barbalho (PSD), para a presidência da Associação dos Municípios do Litoral Sul (Amulis), que tem sede na cidade de Alhandra.

     Para ele, o prefeito eleito é pessoa bastante identificada com a problemática da região, e é dotado de experiência política e administrativa para levar a cabo, não apenas para comandar o município de Pitimbu, mas também para conduzir os interesses dos demais municípios do Litoral Sul, através da Amulis.

     Elcias já se adianta, inclusive, para sugerir que, seja quem for o futuro presidente da entidade municipalista, ali se realiza, logo em janeiro, a primeira reunião de Diretoria, na presença de todos SOS gestores regionais, no sentido de alavancar agressivo processo de desenvolvimento econômico e social em prol da população de cada município.  


Redação com Assessoria
PBAGORA

Justiça suspende eleição para o Conselho Tutelar em Alhandra



Justiça suspende eleição para o Conselho Tutelar em Alhandra
 A Justiça Estadual de Alhandra determinou nesta quarta-feira (28), a suspensão imediata da eleição para conselheiro tutelar do município de Alhandra, em atendimento a um pedido feito pelos Advogados Dr. Márcio Alexandre Diniz Cabral, Rodrigo Diniz Cabral e Marina Targino Soares de Lucena.


A decisão do juiz Dr. Helder Ronald Rocha Almeida foi tomada por meio de uma Ação Cautelar Inominada por causa de irregularidades apresentadas para a realização do pleito, contra os Membros da Comissão Eleitoral, Sra. Maria do Socorro B Silveira, Sr. Antônio Torres Neto, Sr. Alex Gaspar Rodrigues, Sra Cleidilene F. de Lacerda e Sra. Maria Abel Jerônimo Lucas e o município de Alhandra, representado pelo atual prefeito, Renato Mendes.


A concessão de medida liminar nos termos do art. 213, §1º do Estatuto da Criança e do Adolescente c⁄c art. 273 do Código de Processo Civil, determinou a imediata suspensão das eleições para o conselho tutelar de Alhandra até que os membros da comissão eleitoral, por determinação do Executivo municipal, realizem nova publicação de edital com as devidas correções e publicidade efetiva e com prazo razoável de obtenção dos documentos para que o acesso as candidaturas seja pleno e acessível a todo e qualquer cidadão interessado.


De acordo com o advogado Rodrigo Cabral o processo de escolha dos conselheiros tutelares do município de Alhandra teve início no último dia 12 de novembro, com a publicação do edital e o início das inscrições dos candidatos no mesmo dia sem a devida publicidade e somente com a ciência de poucas pessoas que trabalham na prefeitura.

“O término do prazo foi definido como o dia 16 de novembro, uma sexta-feira considerada um dia “imprensado” pelo feriado do dia 15 de novembro e com ponto facultativo para o serviço público”, destaca Rodrigo, lembrando ainda que o edital foi publicado no Diário Oficial da Prefeitura de Alhandra no dia 12 de novembro, sem a devida numeração exigida por lei, sem a publicidade do edital e com diversos vícios insanáveis.


Segundo o advogado, o prazo exíguo para apresentação de documentos de difícil obtenção como os listados nos incisos II, V e VI do Edital, mostra a clara intenção de impedir que pessoas fora das dependências da Prefeitura Municipal, sem informações prévias e privilegiadas, pudessem dispor de tempo razoável para obter tais documentos e se candidatar de forma viável, o que denota uma clara vulneração dos princípios da publicidade, impessoalidade, proporcionalidade e razoabilidade.


Para o advogado Márcio Alexandre Diniz Cabral o edital impugnado apresenta vícios insanáveis que contaminam a validade e legitimidade da escolha dos novos conselheiros merecendo a anulação.

“A publicação no Diário Oficial da Prefeitura não apresenta uma numeração e, com tal vicio insanável, não se pode aferir a ordem cronológica das publicações do referido diário oficial e ter conhecimento da legalidade e exatidão as informações contidas no edital de convocação de eleições para o conselho tutelar de Alhandra, argumenta ele.

Márcio explica que com a falta de numeração no Diário Oficial, os candidatos não sabem qual diário oficial contém as normas atinentes ao processo de eleição, visto que não se pode identificar se houve várias publicações na mesma data sobre o mesmo processo eletivo.

A advogada Marina Targino Soares de Lucena afirma que várias pessoas foram prejudicadas e nem puderam efetuar a inscrição e os que conseguiram com pendências tiveram sua inscrição indeferida. “Temos conhecimento de uma lista com mais de dez candidatos que tiveram sua inscrição indeferida por não terem conseguido providenciar as certidões no prazo em decorrência de um ferido, além de a sexta feira, dia 16, ter sido ponto facultativo”, destacou ela.


Assessoria

Promotor pede ao TJPB aumento de pena para acusado de causar acidente com Shaolin


Jobson Clemente Benício foi condenado a 2 anos de reclusão em regime aberto. Agora, o promotor quer que o acusado de provocar o acidente com Shaolin cumpra quatro anos de prisão
Justiça |Por Redação
foto: Internet
Acusado do acidente com Shaolin
O promotor Sócrates da Costa Agra pediu na última segunda-feira (26) que o Tribunal de Justiça da Paraíba decida sobre o aumento da pena do acusado de causar o acidente com o humorista paraibano Francisco Jozenilto veloso, o Shaolin. O acidente aconteceu no dia 18 de janeiro de 2011 na BR-230, em Campina Grande.

O motorista Jobson Clemente Benício, 23 anos, foi condenado no dia 13 de novembro de 2012 a dois anos de detenção em regime aberto e um ano de suspensão do direito de dirigir. A decisão foi do juiz Wandemberg de Freitas Rocha, da 4ª Vara Criminal de Campina Grande. O promotor entendeu que a pena foi branda e pediu pena máxima ao acusado de provocar o acidente.

"Pedi ao Tribunal de Justiça da Paraíba pena máxima da somatória dos crimes, que é de quatro anos. A pena poderia ter sido mais agravada, tendo em vista os prejuízos que o acidente causou na vida de Shaolin, de seus familiares e amigos, além de ter repercussão nacional", declarou o promotor. 

O advogado da família de Shaolin, Rodrigo Celino, disse que estava satisfeito com a pena preferida pelo juiz contra o motorista e não recorreu da decisão. 

Estado de saúde


O humorista Shaolin continua se recuperando em cima de uma cama. Ele tem apresentado melhoras lentamente. Passou, recentemente, a dar risada ao assistir cenas de filmes e ouvir histórias engraçadas. A informação foi dada pela mulher dele, Laudiceia Veloso. Ela informou que ele teve um pequeno avanço no nível de consciência e que a equipe médica considerou a melhora extremamente positiva.

Shaolin se recupera em casa, no bairro do Catolé, em Campina Grande, e faz tratamentos diários com fisioterapeutas e fonoaudiólogos. Recentemente, a apresentadora da TV Correio/Record, Ana Hickmann, visitou o amigo e o presenteou com um computador que que faz a leitura dos olhos e permite a comunicação entre o paciente e a tela, que registra sinais de emoções.

Secretário de escola é acusado de matar pai de aluno após discussão sobre falta em aulas


A Polícia Militar está a procura de Jorge Miguel Santos Gomes que após o crime desapareceu
Polícia | Por Hyldo Pereira
Foto: De Olho no Cariri
Jorge Miguel Santos Gomes
Um funcionário da Prefeitura Municipal de Boa Vista (cidade localizada na região do Agreste da Paraíba, a 170 quilômetros de João Pessoa), identificado como Jorge Miguel Santos Gomes, está sendo procurado pela Polícia Militar. Ele é secretário de uma escola municipal e acusado de ter matado, com um tiro de revólver, o pai de um aluno, após uma áspera discussão sobre constantes ausências do filho da vítima em sala de aula. 
Jorge Miguel Santos Gomes, 23 anos, disparou um tiro contra o barbeiro Milton Vitorino Jovem, de 55 anos. O crime, que ocorreu nesta quarta-feira (28). O filho de Milton queixou-se de que Jorge Miguel teria lhe chamado de "ladrão" num bate-boca dentro da escola. O adolescente, de acordo com as informações do tenente Jonatha Yassaqui, comandante da Companhia de Polícia Militar Independente daquela região, essa discussão teria acontecido porque o aluno estava faltando com frequência às aulas. 
Inconformado, o adolescente relatou o ocorrido ao pai. O barbeiro Milton Vitorino não gostou e foi até a escola, onde teria também discutido com o funcionário municipal. De acordo com testemunhas, os dois trocaram agressões físicas. A PM não confirma essa briga. 
O secretário da escola municipal teria pego uma arma em sua casa e esperou o barbeiro em uma das ruas da cidade. Jorge Miguel dos Santos teria disparado um tiro de revolver no  abdômen de Milton Vitorino, que chegou a ser socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, mas ele não resistiu aos ferimentos.
Horas depois do crime, já no final da tarde desta quarta-feira, a arma usada no crime e a moto utilizada na fuga pelo funcionários da escola foram encontradas na zona rural da cidade

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Governador discute liberação de 70 mi para obras turísticas


Governador discute liberação de 70 mi para obras turísticas
 O governador Ricardo Coutinho recebeu, na tarde desta terça-feira (27), no Palácio da Redenção, a representante do Banco Interamericano deDesenvolvimento (BID) em Washington (EUA), Maria Claudia Perazza, que chefia missão da instituição na Paraíba entre os dias 26 e 30 de novembro.


A missão está concluindo a avaliação do processo de preparação do Projeto Costa das Piscinas, por meio do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), gerido pela Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico. O Prodetur Paraíba prevê investimento de cerca de R$ 70 milhões em obras de melhoria da infraestrutura turística do Estado.


O projeto Costa das Piscinas compreende cinco municípios da faixa litorânea: Cabedelo, João Pessoa, Pitimbu, Conde e Bayeux – este último em função do Aeroporto Castro Pinto, principal equipamento turísticoda região.


Na audiência, o governador Ricardo Coutinho, o secretário de Turismo, Renato Feliciano; o coordenador do Prodetur, Arnaldo Júnior; e representantes do banco discutiram sobre os próximos passos a serem dados para a contratação do programa no segundo semestre de 2013. O governador pediu agilidade no encaminhamento do projeto para dar um ritmo ainda maior no desenvolvimento do turismo da Paraíba.


Ricardo afirmou que acredita na aprovação do programa na Secretaria do Tesouro Nacional e no BID devido ao equilíbrio fiscal do Estado. “Nossa situação fiscal é bem melhor que a de 2009, período da assinatura da carta programa. Por isso, entendo que estamos preparados para a contratação de um programa que será decisivo no desenvolvimento do turismo de uma forma sustentável para o turista e para os cidadãos paraibanos”, avaliou.


A representante do banco em Washington (EUA), Maria Claudia Perazza, disse que a reunião foi bastante produtiva e esclarecedora neste período de finalização do Prodetur com a discussão sobre a execução e as linhas prioritárias. “O governador se mostrou bastante afinado com as prioridades que estamos definindo junto com a Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico. Isso é muito bom para o andamento do programa”, disse a executiva.


Ela considerou que a Paraíba possui um grande potencial para o turismo e ressaltou que o Estado tem neste programa uma oportunidade muito positiva de se expandir e se desenvolver dentro de princípios de sustentabilidade social, ambiental e econômico.


O secretário Renato Feliciano destacou que o programa, depois de passar o ano de 2010 parado, está bastante adiantado no sentido de trazer recursos que vão mudar o panorama turístico de João Pessoa, Cabedelo e do Litoral Sul. “Vamos até janeiro adiantar as tratativas entre o Governo do Estado e o banco para no segundo semestre do próximo ano contratar o programa. O governador e toda equipe estão empenhados para que esses recursos que chegam a quase R$ 70 milhões sejam liberados para viabilizar ações nas áreas de infraestrutura, estratégia do produto turístico; comercialização; fortalecimento institucional e gestão ambiental”, afirmou.


O coordenador do Prodetur, Arnaldo Júnior, disse que o programa está prestes a iniciar uma etapa decisiva, que é a contratação de um conjunto de ações, como investimentos na praia do Jacaré, em Cabedelo, promoção do circuito náutico, sinalização temática do corredor da BR-101, revitalização de parte do Centro Histórico de João Pessoa, a duplicação do acesso ao aeroporto e o acesso e infraestrutura das praias do litoral Sul como Coqueirinho, Gramame, Praia Bela, Tabatinga. Outro projeto importante, segundo ele, é a construção de um espaço de comercialização e lazer noturno em Jacumã.


Arnaldo Júnior explicou que esses investimentos se somam a algumas obras que o Governo do Estado já está executando, como a implantação do esgotamento sanitário das praias da Penha, Seixas e Jacumã, binário de Jacumã e o Centro de Convenções, que serão analisadas como contrapartida do Estado.


PBAgora

Secom

Bruno tem 99,9% de chances de ser solto em dezembro


Bruno tem 99,9% de chances de ser solto em dezembro
 Destituído pelo ex-goleiro Bruno Fernandes na semana passada, durante o julgamento do Caso Eliza Samudio, no Fórum de Contagem (MG), o advogado Rui Pimenta segue os trabalhos em prol do atleta. Apesar de não estar mais à frente no processo, o defensor impetrou um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF) ainda em 2011 e pede a saída do ex-atleta do Flamengo da cadeia. "Ele tem 99,9% de chances de sair em dezembro", disse o advogado.


"O habeas corpus está tramitando há um ano e agora o ministro Joaquim Barbosa passou para a presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) e os processos serão redistribuídos. Pode ir para qualquer ministro, a jurisprudência da casa é sempre no sentido de o réu primário, que tem bom comportamento na cadeia, tem direito a aguardar em liberdade. Isso é certo", afirmou.


A confiança do advogado é tamanha que Pimenta faz inclusive projetos para Bruno em 2014. "Ele tem um sonho e eu vou colocar ele na rua para conseguir. Quem sabe ele defende um pênalti do Messi, na final da Copa, ajuda o Brasil a ser campeão e ainda melhora a imagem dele?", projetou. Pimenta também falou sobre o movimentado julgamento, onde várias reviravoltas aconteceram. Ao ser destituído pelo goleiro, em uma tentativa de manobra, Pimenta criticou veementemente o arqueiro e não deixou barato.


"Quem entende de direito sou eu. Imagina só se eu posso chegar para ele e dizer como tem que ficar posicionado no gol, não tem condições. A mesma coisa eu disse para ele, mas ele não estava confiando, então foi melhor eu sair", disse. "Bruno cometeu um suicídio processual. Ele não concordou e houve um desentendimento. Como jogador é um grande atleta, mas como estrategista é nota zero. Eu avisei, mas ele pensou que o Macarrão poderia assumir tudo sozinho. Ele não iria fazer isso, sem o Bruno lá o Macarrão ia entregar tudo e foi o que aconteceu. Ele complicou tudo, não tinha prova, agora a promotoria ganhou a prova", argumentou o advogado.


Questionado sobre qual teria sido o motivo do desentendimento entre o defensor e o ex-atleta, Rui explicou que Bruno ficou assustado ao saber que seria julgado por seis mulheres e um homem. "Ele me chamou e disse que não tinha entendido o motivo de escolher seis mulheres. Eu falei com ele que entendo disso e sabia o que estava fazendo. Ele não entendeu, mas a minha ideia era exaltar as mulheres, era falar bem delas, porque na verdade são superiores. O homem é ruim. A mulher não, a mulher dá a vida. Quando um homem comete injustiça, ele toma uma cerveja e esquece. Eu colocaria para elas que julgar uma pessoa sem provas era errado e é assim que eu faria, mas ele não concordou, então eu achei melhor sair", completou.


Pimenta conclui que o grande beneficiado com a estratégia mal pensada por Bruno foi seu ex-amigo Luiz Henrique Romão. "Para o Macarrão, foi um papai noel, ele se beneficiou, e o Bruno não pode mais. O promotor vai subir em cima dele e não tem jeito, vai pegar uma pena grande. É de 20 a 35 anos, porque o Bruno é burro com b maiúsculo", criticou.

O caso Bruno

Eliza desapareceu no dia 4 de junho de 2010 quando teria saído do Rio de Janeiro para Minas Gerais a convite de Bruno. No ano anterior, a estudante paranaense já havia procurado a polícia para dizer que estava grávida do goleiro e que ele a agrediu para que ela tomasse remédios abortivos. Após o nascimento da criança, Eliza acionou a Justiça para pedir o reconhecimento da paternidade de Bruno.


No dia 24 de junho, a polícia recebeu denúncias anônimas de que Eliza havia sido espancada por Bruno e dois amigos dele até a morte no sítio de propriedade do jogador, localizado em Esmeraldas, na Grande Belo Horizonte. Na noite do dia 25 de junho, a polícia foi ao local e recebeu a informação de que o bebê apontado como filho do atleta, então com 4 meses, estava lá. A então mulher do goleiro, Dayanne Rodrigues do Carmo Souza, negou a presença da criança na propriedade. No entanto, durante depoimento, um dos amigos de Bruno afirmou que havia entregado o menino na casa de uma adolescente no bairro Liberdade, em Ribeirão das Neves, onde foi encontrado.


Enquanto a polícia fazia buscas ao corpo de Eliza seguindo denúncias anônimas, em entrevista a uma rádio no dia 6 de julho, um motorista de ônibus disse que seu sobrinho participou do crime e contou em detalhes como Eliza foi assassinada. O menor citado pelo motorista foi apreendido na casa de Bruno no Rio. Ele é primo do goleiro e, em dois depoimentos, admitiu participação no crime. Segundo a polícia, o jovem de 17 anos relatou que a ex-amante de Bruno foi levada do Rio para Minas, mantida em cativeiro e executada pelo ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, conhecido como Bola ou Neném, que a estrangulou e esquartejou seu corpo. Ainda segundo o relato, o ex-policial jogou os restos mortais para seus cães.


No dia seguinte, a mulher de Bruno foi presa. Após serem considerados foragidos, o goleiro e seu amigo Luiz Henrique Romão, o Macarrão, acusado de participar do crime, se entregaram à polícia. Pouco depois, Flávio Caetano de Araújo, Wemerson Marques de Souza, o Coxinha Elenilson Vitor da Silva e Sérgio Rosa Sales, outro primo de Bruno, também foram presos por envolvimento no crime. Todos negam participação e se recusaram a prestar depoimento à polícia, decidindo falar apenas em juízo.


No dia 30 de julho, a Polícia de Minas Gerais indiciou todos pelo sequestro e morte de Eliza, sendo que Bruno foi apontado como mandante e executor do crime. Além dos oito que foram presos inicialmente, a investigação apontou a participação de uma namorada do goleiro, Fernanda Gomes Castro, que também foi indiciada e detida. O Ministério Público concordou com o relatório policial e ofereceu denúncia à Justiça, que aceitou e tornou réus todos os envolvidos. O jovem de 17 anos, embora tenha negado em depoimentos posteriores ter visto a morte de Eliza, foi condenado no dia 9 de agosto pela participação no crime e cumprirá medida socioeducativa de internação por prazo indeterminado.


No início de dezembro, Bruno e Macarrão foram condenados pelo sequestro e agressão a Eliza, em outubro de 2009, pela Justiça do Rio. O goleiro pegou quatro anos e seis meses de prisão por cárcere privado, lesão corporal e constrangimento ilegal, e seu amigo, três anos de reclusão por cárcere privado. Em 17 de dezembro, a Justiça mineira decidiu que Bruno, Macarrão, Sérgio Rosa Sales e Bola seriam levados a júri popular por homicídio triplamente qualificado, sendo que o último responderá também por ocultação de cadáver. Dayanne, Fernanda, Elenilson e Wemerson também irão a júri popular, mas por sequestro e cárcere privado. Além disso, a juíza decidiu pela revogação da prisão preventiva dos quatro. Flávio, que já havia sido libertado após ser excluído do pedido de MP para levar os réus a júri popular, foi absolvido. Além disso, nenhum deles responderá pelo crime de corrupção de menores. No dia 19 de novembro de 2012, foi dado início ao julgamento de Bruno, Bola, macarrão, Dayanne e Fernanda.


Especial para Terra

Procon-Paraíba notifica operadoras por panes nos serviços de telefonia móvel

Procon-Paraíba notifica operadoras por panes nos serviços de telefonia móvel
As empresas de telefonia Oi e TIM foram notificadas pelo Procon estadual da Paraíba devido a suspensão dos servidos ocorridos nesta terça-feira (27) em João Pessoa e outras localidades.  Representantes da Oi compareceram pessoalmente ao órgão e informaram que tanto os problemas apresentados no final de semana quanto na terça-feira estão relacionados ao rompimento de cabos de fibra ótica da empresa. No primeiro caso  foi registrado em Pernambuco e o segundo no município de Mamanguape.  

Com relação à TIM, além da notificação para que a empresa apresente as justificativas relativas aos problemas verificados no fornecimento dos serviços de telefonia móvel, o Procon-PB oficiou a empresa para que um representante compareça à sede do órgão até a próxima quinta-feira (29), para a realização de uma reunião sobre que sejam apresentadas as explicações sobre os problemas ocorridos.   

“O consumidor paraibanos não pode ficar desamparado diante dos problemas recorrentes na telefonia móvel. Já convocamos as empresas, mas também é importante que os consumidores prejudicados oficializem suas reclamações no órgão de defesa do consumidor mais próximo para que assim tenhamos mais subsídios para aplicar as penalidades cabíveis”, ressaltou a secretária executiva do Procon-PB, Klébia Ludgério.

TAC - Tento em vista a recorrência de problemas na prestação de serviços com a operadora Oi , recentemente a mesma firmou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com os órgãos de defesa do consumidor na Paraíba. O objetivo é garantir a melhoria dos serviços prestados.  


Secom-PB

Operadoras falham outra vez


Operadoras falham outra vez
 Os clientes das empresas de telefonia móvel TIM e Oi na Paraíba ficaram por cerca de duas horas sem conseguir fazer ou receber ligações. Por volta das 13h (horário local) desta terça-feira (27), o serviço de telefonia foi interrompido. Às 15h, os serviços das duas operadoras já tinham voltado à normalidade.

A equipe de reportagem entrou em contato com as assessorias das duas empresas, que ficaram de verificar as informações solicitadas. A TIM e a Oi informaram, às 14h, que iriam se posicionar sobre a pane. Ainda não é possível saber a extensão nem a causa do problema.

No sábado (24), houve uma pane semelhante na rede de telefonia da Oi e todos os clientes ficaram cerca de 3 horas sem serviço por causa do rompimento de cabos.


Redação com G1

UFCG divulga concorrência do vestibular 2013; medicina lidera disputa por vaga


Das 3.115 vagas disponibilizadas, 2.695 são livres e 420 reservadas a estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas
Emprego e Educação | Por Assessoria
Foto: reprodução Facebook 12
Iury disputa uma das vagas em Medicina
A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) divulgou na tarde desta segunda (26), a concorrência do Vestibular 2013.1. Das 3.115 vagas disponibilizadas, 2.695 são livres e 420 reservadas a estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas. Destas, 228 são reservadas aos estudantes com renda familiar igual ou inferior a 1,5 salário mínimo per capita, das quais 131 para cota racial e 97 para cota não racial.
Para as vagas livres, os cursos mais procurados são os de Medicina em Campina Grande, com 270,9 candidatos por vaga, e Medicina em Cajazeiras, com 141, seguidos de Enfermagem, em Campina Grande, com 79 inscritos por vaga.
O estudante Iury Batista, está entre os mais de dez mil que concorrem às vagas de Medicina no campus de Campina Grande, pelas vagas livres. “Eu já curso Medicina no campus de Cajazeiras e estou concorrendo a uma vaga no curso de Campina, porque quero muito transferir por conta das oportunidades praticas que tem na cidade. Apesar de gostar muito do curso em Cajazeiras, acredito que terei mais oportunidades em Campina, porque as coisas são bem mais fáceis”, disse o estudante do 7º período. 
Para os candidatos inscritos no sistema de cotas, o curso de Medicina em Campina Grande também aparece em primeiro lugar na concorrência para os inscritos na categoria com renda menor que 1,5 salário (189,5 por vaga, na cota racial, e 301, na cota não racial) e maior que 1,5 salário (61,5 por vaga, na cota racial, e 99, na cota não racial).
Ao todo, foram homologadas 57.943 inscrições, das quais 7.768 foram destinadas às cotas, sendo 6.584 com renda menor que 1,5 salário (3.228 na cota racial) e 1.184 com renda maior que 1,5 salário (550 na cota racial).
A partir desta edição, haverá uma seleção para cada período letivo, ou seja, serão dois vestibulares distintos: o Vestibular 2013.1, com 3.115 vagas, para os 67 cursos com entrada no primeiro período, e o Vestibular 2013.2, com 1.600 vagas, para os 35 cursos com entrada no segundo período (há cursos com entrada nos dois períodos, uns com entrada apenas no primeiro período e outros apenas no segundo período). As inscrições para o Vestibular 2013.2 ocorrerão no próximo ano.
Os dois vestibulares totalizam 4.715 vagas em 75 cursos de graduação, distribuídos nos sete campi da instituição: Campina Grande, Cajazeiras, Cuité, Patos, Pombal, Sousa e Sumé.

Veja a lista com os 10 cursos mais concorridos, para vagas livres:


1 - Medicina (C. Grande) - 270,9

2 - Medicina (Cajazeiras) - 141

3 - Enfermagem (C. Grande) - 79

4 - Psicologia (C. Grande) - 58,33

5 - Engenharia Civil (C. Grande) - 58,48

6 - Administração (C. Grande) - 35,54

7 - Nutrição (Cuité) - 29,90

8 - Direito (Sousa -  diurno) - 26,79

9 - Enfermagem (Cajazeiras - diurno) - 22,77

10- Direito (Sousa - noturno) - 20,50