Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Justiça eleitoral cassa mandato da prefeita de Areia de Baraúnas, PB

TRE terá que convocar novas eleições.
Presidente da Câmara irá assumir o cargo de prefeito.

Do G1 PB

A prefeita e o vice-prefeito eleitos de Areia de Baraúnas, no Sertão paraibano, tiveram o mandato cassado pela Justiça Eleitoral por abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio, ou seja, compra de votos. A decisão da juíza Isabelle de Freitas Batista Araújo foi tomada nesta quinta-feira (10), mas só foi publicada nesta sexta.

Segundo a decisão, a prefeita eleita Vanderlita Guedes Pereira, conhecida como Dequinha Mineral, e seu vice, Djean Farias de Andrade, terão que deixar o cargo e uma nova eleição será convocada no município. A nova data ainda será definida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Enquanto isso, o presidente da Câmara Municipal irá assumir o cargo de prefeito.
De acordo com TRE, a coligação 'Coligação Por Amor a Areia de Baraúnas Sempre' ainda não recorreu da decisão.

Esse é o terceiro caso de prefeitos cassados em cidades da Paraíba desde as últimas eleições municipais. Em Soledade, o mandato de José Bento Leite (PT) foi cassado em maio por uso da máquina pública. Em setembro, Flávio Aureliano (PTN) foi eleito o novo prefeito no pleito suplementar.

Também em setembro, a Justiça Eleitoral de Catolé do Rocha cassou os mandatos do prefeito e vice-prefeito de Jericó. A Justiça também decidiu pela inelegibilidade de Claudeeide de Oliveira Melo (DEM), eleito prefeito da cidade em outubro de 2012. Ele também foi condenado a pagar multa de 20 mil UFIRs. O vice-prefeito, José da Silva Oliveira, apesar de ter o diploma cassado se livrou da inelegibilidade e da multa, porque a Justiça entendeu que ele não teve participação direta ou indireta na compra de votos no município.

Porém, logo depois da decisão, o juiz Rudival Gama, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) concedeu uma liminar para suspender os efeitos da cassação. Com a decisão, o prefeito não terá de se afastar do cargo imediatamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog