Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Maranhense é detido suspeito de aplicar golpe contra igrejas na PB

Ele dizia ser empresário do ramo da música gospel, explicou delegado.
Maranhense é suspeito de enganar membros e pastores de igrejas.

Do G1 PB

Um maranhense de 39 anos foi detido nesta segunda-feira (6) no Cariri paraibano suspeito de aplicar golpes contra pastores e membros de igrejas evangélicas dos municípios de Serra Branca eSumé. Segundo o delegado de Serra Branca, Omar Ramos, ele dizia ser empresário do ramo musical, chileno e formado em teologia. O suspeito foi levado para a Delegacia de Serra Branca para ser ouvido,  o delegado também vai ouvir o depoimento das vítimas e o maranhense deve ser indiciado por estelionato.

“Ele não era nada disso, era, sim, muito bom de papo. Na verdade, ele é natural de Barreirinhas, no Maranhão. Ele se hospedava em pousadas, alugava carros e não pagava nada. Ele chegou até a bater em um dos carros alugados e não pagou”, explicou o delegado.
O maranhense agia tentando enganar os pastores da região, segundo informações do delegado. Ele havia marcado um show do cantor gospel J. Neto para o dia 28 de dezembro em Sumé. Ele vendeu os ingressos, mas adiou o show para o dia 25 de janeiro alegando problemas de força maior. “Entramos em contato com o empresário do cantor e ele explicou que nunca recebeu o dinheiro”, comentou.

Ele ainda tentou pegar um empréstimo de R$ 20 mil em um banco no nome de membros das igrejas. “Ele enganava membros de várias igrejas. Ele já estava marcando um coquetel com os pastores da região para fazer o lançamento do show de J. Neto”, disse o delegado.

O suspeito foi levado para a Delegacia de Serra Branca para ser ouvido. O delegado Omar Ramos também vai ouvir o depoimento das vítimas e o maranhense deve ser indiciado por estelionato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog