Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

PSB de Campos cogita filiação de Joaquim Barbosa


PSB de Campos cogita filiação de Joaquim Barbosa
A carreira jurídica do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, pode estar chegando ao fim, mas para dar início a uma carreira dentro da política. O governador Eduardo Campos, que preside o PSB e provável candidato do partido à Presidência da República, mencionou o nome do magistrado como imbatível na disputa pelo governo do Rio de Janeiro. Segundo a Revista Veja, Barbosa teria comentado que pretende antecipar sua aposentaria - os ministros do STF devem se aposentar compulsoriamente aos 70 anos. O atual presidente tem 59 anos e está há cerca de 11 anos no Supremo.

Joaquim Barbosa nega oficialmente que almeje disputar um cargo político, mas é sondado como forte candidato de oposição ao PT e à reeleição da presidente Dilma Rousseff. Porém, em uma entrevista concedida nesta semana, Barbosa disse se identificar com o PT de antes.

"Mas é o PT antigo, não esse PT de hoje, tomado por bandidos, pela corrupção. Em termos de ideias, seria o PT de antes da candidatura do Lula", afirmou. Sonhando com a filiação do "cobiçado" presidente do Supremo, Eduardo disse acreditar que o mesmo toparia o desafio.

Depois da repercussão do julgamento do processo do mensalão, Barbosa já foi convidado várias vezes para integrar alguns partidos que pretendem aproveitar a popularidade dele e obter maior aprovação dos eleitores. O próprio PSB já tinha convidado Barbosa através do deputado federal Romário, presidente do PSB no Rio de Janeiro, que postou em seu Twitter que os socialistas estavam à disposição do ministro caso ele queira se candidatar ao governo do estado. "O partido está de portas abertas para todos aqueles que desejam fazer política decente", afirmou o ex-jogador.


Diário de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog