Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

sábado, 15 de março de 2014

PERIGO PARA À SAÚDE: academias de ginástica podem fechar em Campina Grande e Capital; saiba o motivo


PERIGO PARA À SAÚDE: academias de ginástica podem fechar em Campina Grande e Capital; saiba o motivo
 Por apresentarem problemas na segurança dos usuários, falta de higiene e ainda por contar com profissionais não habilitados, 12 academias de ginástica de Campina Grande correm o risco de terem suas portas fechadas até o mês de abril deste ano. Este foi o alerta que o Conselho Regional de Educação Física Paraíba (Cref10) fez com o auxílio do Ministério Público da Paraíba (MPPB) depois de visitar os cerca de 60 estabelecimentos existentes na cidade.


Como o prazo para as adequações se encerra no próximo mês, uma nova vistoria será feita não só nessas 12 academias onde foram detectadas irregularidades, como também nos possíveis novos estabelecimentos que surgiram nesse período.


Na última inspeção feita em 2012, os problemas detectados foram a ausência de extintores de incêndio e saída de emergência, problemas de higiene como banheiros inadequados, além de contar com profissionais não habilitados para o exercício da profissão. Segundo Francisco Borges, presidente do Cref10, que regula o funcionamento desses estabelecimentos, algumas academias de ginástica não continham nem mesmo o registro obrigatório para estar em funcionamento.


De acordo com a Promotoria do Consumidor, o Ministério Público continua recebendo as denúncias e que após as próximas visitas os locais em que forem comprovadas irregularidades deverão ser fechados.


Segundo Adriana Amorim, já foi ajuizada uma Ação Civil Pública pedindo a interdição temporária, e que se os problemas se repetirem os estabelecimentos têm grande chance de serem fechados. Já Francisco Borges confirmou que também até o próximo mês de abril fará uma visita nas academias recém abertas na cidade para averiguar se elas também apresentam os mesmos problemas.


Problemas também são identificados em João Pessoa


Os problemas de segurança das academias de ginásticas não são exclusividade de Campina Grande. Em João Pessoa, problemas semelhantes também foram encontrados pelo Procom Municipal e pelo Conselho Regional de Educação Física (CREF-PB),. No começo deste ano, duas academias da Capital foram fechadas.


A medida foi tomada porque as academias não tinham profissionais credenciados pelo Conselho Regional de Educação Física (CREF-PB). Além da falta de profissionais, as academias, que ficam nos bairros de Mangabeira e Valentina, estavam com o extintor de incêndio vencido e sem alvará de funcionamento. No total, vinte estabelecimentos foram visitados pelo órgão em conjunto com o Corpo de Bombeiros e o Conselho Regional de Educação Física (CREF-PB), nos bairros de Mangabeira, Valentina e Bancários, na região sul; Cabo Branco, Manaíra, Bessa e Tambaú, na orla de João Pessoa.

PBAgora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog