Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Supremo determina 'imediato retorno' de ex-deputado Genoino à prisão

Ex-presidente do PT foi condenado a 4 anos e 8 meses por mensalão.
Ele cumpria prisão domiciliar provisória desde novembro do ano passado.

Mariana OliveiraDo G1, em Brasília

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e relator do processo do mensalão, ministro Joaquim Barbosa, determinou nesta quarta-feira (30) o "imediato retorno" do ex-deputado e ex-presidente do PT José Genoino (PT) à prisão. Condenado no processo do mensalão do PT, Genoino estava em prisão domiciliar provisória desde novembro do ano passado em razão deproblemas de saúde.
Pela decisão de Barbosa, o ex-deputado tem 24 horas a contar da intimação para se apresentar ao Centro de Internamento e Reeducação (CIR) do presídio da Papuda, em Brasília, onde também cumpre pena o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. Se Genoino não se apresentar, será expedido um mandado de prisão.
O quadro clínico do condenado José Genoino não apresenta qualquer singularidade comparado ao de centenas de outros detentos que atualmente cumprem pena privativa da liberdade no Distrito Federal. Os dois laudos fornecidos pela junta médica oficial (que o apenado não conseguiu desqualificar) afirmam taxativamente que o quadro clínico do condenado não apresenta a gravidade alegada."
Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal
"Indefiro o pedido de conversão do regime prisional do apenado José Genoino Neto. Determino o imediato retorno do apenado ao sistema prisional do Distrito Federal, onde deverá cumprir sua pena", afirmou Barbosa em sua decisão.
Genoino cumpria a prisão domiciliar em uma casa alugada em Brasília, onde também moram familiares. Até a última atualização desta reportagem, a defesa do ex-deputado informava que não tinha sido intimada, mas que cumprirá a decisão judicial.
Condenado a 4 anos e 8 meses de prisão, o ex-deputado, que tem problemas cardíacos, foi preso em novembro do ano passado, mas passou mal no presídio e, desde então, obteve o direito a cumprir temporariamente a pena em prisão domiciliar provisória. A defesa pleiteava a prisão domiciliar definitiva.
Nesta semana, chegou ao Supremo um laudo médico assinado por cardiologistas da Universidade de Brasília (UnB), feito a pedido de Joaquim Barbosa, que avaliou que não há motivos clínicos para Genoino ser mantido em prisão domiciliar. Segundo o documento, o quadro clínico do petista está "plenamente estabilizado" e ele se recuperou da cirurgia cardíaca à qual foi submetido no ano passado.
Em novembro, após examinarem Genoino, os médicos da UnB já tinham manifestado ao STF a opinião de que o ex-deputado não precisava ficar em casa para se tratar de problemas cardíacos. No entanto, por conta de uma recomendação do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, Joaquim Barbosa decidiu deixar o condenado em prisão domiciliar provisoriamente.
'Ausência de doença grave'
Na decisão de nove páginas, Barbosa afirma que a nova perícia médica "indica, claramente, a ausência de doença grave que constitua impedimento para o cumprimento de pena no regime semiaberto".
"O quadro clínico do condenado José Genoino não apresenta qualquer singularidade comparado ao de centenas de outros detentos que atualmente cumprem pena privativa da liberdade no Distrito Federal. Os dois laudos fornecidos pela junta médica oficial (que o apenado não conseguiu desqualificar) afirmam taxativamente que o quadro clínico do condenado não apresenta a gravidade alegada."
Trabalho externo
Depois que for preso, José Genoino poderá pleitear trabalho externo, que lhe dará direito a sair durante o dia para trabalhar. Se isso acontecer – e se o pedido for aceito pela Justiça –, ele será transferido para o Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Brasília, onde ficam os presos com autorização para trabalhar.
Além disso, pelas regras de progressão de regime, Genoino poderá pedir para passar do regime semiaberto para o aberto em agosto deste ano, após o cumprimento de um sexto da punição. Como não há estabelecimento de regime aberto em Brasília, ele poderá obter prisão domiciliar.
PT
No Congresso, o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), disse que é um "equívoco" o fato de Joaquim Barbosa ser relator e executor das penas dos condenados do mensalão.
"A impressão que dá é que a preocupação é mais de vingança do que de garantir o cumprimento adequado da sentença. Óbvio que para uma pessoa que tem a gravidade do estado de saúde que ele tem, que passou recentemente por uma cirurgia delicada, o presídio não é lugar mais adequado. Agora, o presidente o STF passa a se responsabilizar por tudo o que acontecer com ele lá", afirmou o senador
.

Secretaria de Esportes de Alhandra realiza Torneio Veterano de Futebol de Campo do Trabalhador


 A Secretaria de Esportes de Alhandra realiza, na manhã desta quinta-feira (1º), o Torneio Veterano deFutebol de Campo do Trabalhador. A competição, alusiva às comemorações ao Dia do Trabalho, comemorado neste dia 1 de maio, acontece a partir das 7h da manhã, no Estádio Pedrozão, localizado no bairro de Nova Alhandra, e contará com a participação de dez equipes de atletas da região.

O Torneio acontece durante todo o dia do feriado e as equipes se enfrentarão no estilo mata a mata, onde quem perder já estará fora da rodada de jogos da final da competição. As três melhores equipes receberão troféus e uma premiação em dinheiro.

secretário adjunto de Esportes de Alhandra, Renildo Rodrigues, explica que a competição tem oobjetivo de fomentar as atividades esportivas do município e dar oportunidade aos atletas de mostrarem suas habilidades na modalidade. “Vamos fazer o torneio do trabalhador para que os atletas veteranos da cidade, que trabalham durante o ano todo, tenham um dia de lazer e possam mostrar suas habilidades no futebol de campo e ainda serem reconhecidos pelo seu talento”, disse Renildo.




Redação com Assessoria

ALHANDRA, CAAPORA E CONDE: Governo da Paraíba repassa R$ 290 milhões em tributos estaduais aos municípios


O Governo do Estado destinou aos 223 municípios paraibanos cerca de 290 milhões em repasse dos tributos estaduais recolhidos no acumulado do primeiro trimestre deste ano, volume 13% superior ao mesmo período do ano passado, quando o montante havia sido de R$ 256 milhões.


O maior volume repassado ficou com a cota parte do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS). No período, o repasse aos cofres municipais atingiu R$ 264 milhões. Outros R$ 26 milhões vieram do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). O ICMS, tributo carro-chefe da receita própria estadual, representou 91% do repasse às prefeituras.


Conforme prevê a Lei Complementar nº 63 de 1990, o repasse do ICMS às prefeituras corresponde a 25% da arrecadação do tributo, distribuído mensalmente às administrações municipais com base na aplicação do Índice de Participação dos Municípios (IPM), definido para cada cidade. Já sobre o valor do IPVA, o Estado repassa ao município onde o veículo está licenciado 40% da receita arrecadada com este tributo. Outros 10% do IPVA são destinados ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da EducaçãoBásica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).


Além do repasse dos tributos estaduais mensais, as prefeituras recebem recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e de receitas próprias oriundas de tributos municipais como ISS, IPTU, ITBI e taxas.


Para o secretário de Estado da Receita, Marialvo Laureano, mesmo com a desaceleração da economia  no país, a gestão estadual ampliou o repasse dos tributos estaduais aos municípios. “O crescimento da arrecadação dos tributos estaduais, em especial do ICMS, com alta em termos nominais de 14% no primeiro trimestre, colaborou diretamente para a execução orçamentária das gestões municipais paraibanas, com o destino de mais de R$ 290 milhões às políticas públicas municipais, em especial àquelas cidades consideradas de portes médio e grande, que tiveram maior repasse do ICMS”, comentou.


De acordo com o ranking do Índice de Participação dos Municípios (IPM), o maior repasse do primeiro trimestre deste ano da cota parte do ICMS às prefeituras abrangeu as cidades de João Pessoa (29,09%), Campina Grande (14,54%), Cabedelo (8,98%), Santa Rita (3,89%), Caaporã (1,59%), Patos (1,61%), Alhandra (1,60%), Bayeux (1,50%), Cajazeiras (1,10%), Sousa (1,12%) e do Conde (1%).


No ano passado, O Governo do Estado destinou aos municípios paraibanos mais de R$ 1 bilhão em repasse dos tributos estaduais recolhidos no ano passado. O carro-chefe do montante distribuído ficou com a cota parte do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), quando destinou R$ 957 milhões. Outros R$ 78 milhões vieram do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).


Os maiores repasses de ICMS, no ano passado, foram para as prefeituras de João Pessoa (R$ 266,4 milhões), Campina Grande (R$ 134,3 milhões), Cabedelo (R$ 83 milhões), Santa Rita (R$ 36,4 milhões), Caaporã (R$ 15,2 milhões), Conde (R$ 15,1 milhões), Patos (R$ 14,7 milhões), Bayeux (R$ 14 milhões), Cajazeiras (R$ 10,1 milhões) e Sousa (R$ 9,8 milhões).




Secom

PITIMBU: Grupo explode caixas eletrônicos de dois bancos no litoral sul da Paraíba

Bandidos espalharam grampos pelas ruas da cidade durante a fuga.
Ação aconteceu na cidade de Pitimbu, na madrugada desta quarta-feira.

Do G1 PB
Suspeitos não conseguiram levar dinheiro dos caixas (Foto: Tenente Tavares/PMPB)Suspeitos não conseguiram levar dinheiro dos caixas (Foto: Tenente Tavares/PMPB)
  Um grupo com cerca de oito homens explodiu na madrugada desta quarta-feira (30) dois caixas eletrônicos na cidade de Pitimbu, no litoral sul da Paraíba, segundo informações da Polícia Militar. Os suspeitos não conseguiram levar nenhuma quantia dos terminais porque utilizaram uma quantidade insuficiente de explosivos, ainda de acordo com a PM.
Carro que teria sido usado pelos suspeitos foi encontrado a 3km do local da explosão (Foto: Tenente Tavares/PMPB)Carro usado na ação foi encontrado pela PM
(Foto: Tenente Tavares/PMPB)
Os caixas atingidos na explosão são de dois bancos diferentes e ficam distantes cerca de 50 metros um do outro. A polícia informou que, durante a fuga, o grupo espalhou grampospelas ruas da cidade para atrapalhar uma possível perseguição.
Um carro utilizado na ação foi encontrado abandonado a cerca de 3km de distância do local onde ficam os caixas explodidos.
Até as 7h desta quarta-feira nenhum dos suspeitos do crime havia sido preso.

O ANALISTA: adversário exclui Cássio do segundo turno e crava disputa entre Ricardo Coutinho e Veneziano


O ANALISTA: adversário exclui Cássio do segundo turno e crava disputa entre Ricardo Coutinho e Veneziano
 Principal adversário do projeto tucano nas ultima eleições da Paraíba, o presidente do PMDB no estado, o ex-governador José Maranhão se meteu em mais uma polêmica: ao conceder entrevista a uma rádio emCampina Grande, Zé incorporou o papel de analista político e traçou um cenário inusitado no segundo turnos das eleições, ao minimizar a força do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) prevendo uma polarização entre o governador Ricardo Coutinho (PSB) e o ex-prefeito da Rainha da Borborema ,Venezino Vital do Rêgo (PMDB).



Sem temer uma reação adversa, Maranhão desconsiderou o potencial eleitoral de Cássio Cunha Lima na sua principal base eleitoral e prevê uma disputa entre o ‘Mago’ e o ‘Cabeludo’ nas eleições 2014


“Uma coisa que parece ser quase consensual na Paraíba é a rejeição ao governador pela sua forma de administrar o Estado, de costas para o povo, e isso gerou uma antipatia na sociedade. A situação agora é diferente porque, se você tem nosegundo turno Ricardo Coutinho e Veneziano, claro que o campinense vai votar em Veneziano”, pontuou.


O ex-governador acredita na viabilidade da pré-candidatura do PMDB, mesmo figurando na terceira colocação, segundo as últimas pesquisas:


“Não acho que seja aposta errada, é aposta certa. Nós não tínhamos um candidato, no quadro do PMDB, que mais tivesse atributo do que Venezianopara se tornar o nosso candidato nesse momento e o seu nome vai corresponder ao sentimento de mudança”, contou o esposo da presidenta do TJPB a desembargadora Fátima Bezerra;


Por fim, José Maranhão descartou uma aproximação política com o grupo socialista paraibano:


“Não tenho interesse pelo Senado, sou pré-candidato a deputado federal. Tenho conversado com Ricardo Coutinho apenas em reuniões sociais, afinal, não somos inimigos pessoais, mas não tenho interesse de aliança com ele. Já temos nosso pré-candidato”, apontou.


PB Agora

terça-feira, 29 de abril de 2014

Ruy Carneiro propõe dedução de despesas veterinárias no Imposto de Renda

A proposta deve preservar as condições adequadas de saúde dos animais e estimular a indústria de pet, que emprega atualmente 225.000 pessoas.

O deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) protocolou projeto de lei (nº 7437/2014) que prevê a dedução parcial de despesas veterinárias na apuração anual do Imposto de Renda de pessoa física.
O Deputado julga plenamente cabível e oportunoque ao menos parte das despesas veterinárias, realizadas pelo contribuinte, possa ser deduzida na apuração do Imposto de Renda.De acordo com o deputado, a proposta deve preservar as condições adequadas de saúde dos animais e estimular a indústria de pet, que emprega atualmente 225.000 pessoas.
"Despesas médicas, com dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, dentre outros, já são dedutíveis do Imposto de Renda de pessoa física. As despesas veterinárias também estão relacionadas à saúde pública. Por isso, nada mais justo do que incluí-las no rol de procedimentos dedutíveis do imposto", disse Ruy Carneiro.
O parlamentar afirmou que, segundo dados da Pyxis Consumo, a previsão de gastos com consumo domiciliar para este ano, abrangendo aquisição de animais, cuidados com limpeza, alimentação, diversão, acessórios e cuidados veterinários ultrapassa R$ 6 bilhões.
Além de considerar os gastos em relação aos cuidados veterinários, o deputado destacou a importância dos animais na relação com os homens. "Os animais auxiliam em funções de segurança de propriedades e de pessoas, no acompanhamento de deficientes e no tratamento de diversas doenças. Como exemplo, cito a equoterapia, eficaz no tratamento de diversos tipos de comprometimentos motores".
Redação com Assessoria 
WSCOM Online

PSB não ‘baixa guarda’ e anuncia enxurrada de apoios pró RC; vaga de vice segue indefinido


PSB não ‘baixa guarda’ e anuncia enxurrada de apoios pró RC; vaga de vice segue indefinido
PSB não ‘baixa guarda’ e anuncia enxurrada de apoios em prol da reeleição de RC; vice segue indefinido

A prefeita de Diamante, Marcília Mangueira, declarou apoio ao projetode reeleição do governador Ricardo Coutinho. Marcília é a 3ª prefeita do PMDB a se aliar a Ricardo somente esta semana, se somando aos prefeitos de São José de Brejo do Cruz, Neidinho Saraiva, e de Quixaba, Júlio Cézar.

"Esse apoio do nosso grupo político a Ricardo Coutinho é baseado em obras, construção e de crescimento que está sendo vivenciado na Paraíba e também no nosso município. Queremos construir em parceria com o governo do Estado uma Diamante cada vez melhor", declarou a prefeita.

Márcilia e auxiliares foram recebidas nesta segunda-feira (28) pelo governador Ricardo Coutinho e pelo secretário de Articulação e Desenvolvimento dos Municípios, Carlos Antônio, onde pode solicitar obras nas áreas de infraestrutura e recursos hídricos em benefício do município. A prefeita esteve acompanhada dos auxiliares Hidelfonso e Erikson Paiva.

De acordo com a prefeita, o governo do Estado vem contribuindo para a melhoria da qualidade de vida no município com os recursos para a abertura de um laboratório de análises clínicas, o sistema de abastecimento de água completo na comunidade quilombolas, o apoio a piscicultura, a reforma de escolas e outros programas. Marcília também destacou a construção e melhoria das estradas na região do Vale do Piancó.

O município de Diamante tem 6.616 habitantes (IBGE 2010) e está localizado no Vale do Piancó. Diamante foi emancipado em 21 de dezembro de 1961.

Apesar dos apoios, o PSDB, assim como as outras legendas no páreo, ainda não definiram seus vices. Na chapa de Ricardo Coutinho a expectativa é que o DEM possa emplaccar a vaga, mas a decisão ainda não está tomada. Por enquanto o PSD de Rômulo Gouveia continua detentor do espaço na chapa para disputar o Senado Federal. 





Redação com Assessoria

Wellington Roberto assina manifesto em defesa da volta de Lula e faz acordo de paz com Manoel Junior


Wellington Roberto assina manifesto em defesa da volta de Lula e faz acordo de paz com Manoel Junior
 Com espírito de diplomatas, o deputado federal Wellington Roberto (PR), se transformou nos últimos dias em um homem dos pactos e dos acordos. O parlamentar, segundo noticiou a imprensa nacional, assinou o manifesto no qual o seu partido, abriu uma campanha para retorno do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda em 2014

Dos vinte deputados do PR que assinaram ontem um “manifesto” emdefesa da volta do ex-presidente Lula ao governo, Wellington Roberto. Na Paraíba, o presidente estadual do PR, também fez um pacto com o deputado federal Manoel Junior (PMDB). Os dois deputados garantiram que um vota no outro na hipótese de um deles vir a aceitar entrar na briga pelo Senado na chapa a ser encabeçada por Veneziano Vital do Rêgo (PMDB).

Wellington Roberto também está negociando a posição que o seu partido tomará este ano com vistas as eleições. O partido ainda não decidiu se vai apoiar a candidatura ao governo de Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), ou se seguirá com o governador Ricardo Coutinho (PSB).

PBAgora

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Prefeitura de Alhandra paga folha de abril nesta quarta-feira (30)

Os aposentados e pensionistas do município já receberam na sexta-feira (25)
Foto: Internet
Os funcionários efetivos e ocupantes de cargoscomissionados da Prefeitura de Alhandra podem contar com o pagamento de seus salários nesta quarta-feira (30). Os aposentados e pensionistas do município já receberam seus proventos desde a última sexta-feira (25).
Já os prestadores de serviço receberão seus salários até o dia 10 de maio, após o pagamentoda primeira parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e dos repasses do Governo Federal que, normalmente entram na conta do município entre os dias 5 e 10, para complementar a folha de pagamento destes profissionais.


Assessoria 

PRF detém três por sonegação fiscal no Litoral Sul da Paraíba

Veículos transportavam cachaça e alimentos sem nota fiscal.
Segundo a PRF, caso vai ser apurado pela Receita estadual.

Do G1 PB
Três pessoas foram detidas pela Polícia Rodoviária Federal por sonegação fiscal, no Litoral Sul daParaíba, após terem sido flagradas transportando mercadorias sem nota. A ação foi divulgada pela PRF nesta segunda-feira (29) e aconteceu na madrugada do sábado (26). A carga, composta dealimentos e bebidas, estava em uma carreta e dois caminhões.
De acordo com a polícia, as abordagens aconteceram na BR-101,  nas cidades  de Caaporã e Alhandra. Ao todo, mais de  60,9 mil litros de cachaça, juntamente com centenas de caixas de biscoito, chocolate e margarina eram transportados, na sua maioria, sem nota fiscalnos três veículos.

Apesar de algumas mercadorias possuírem nota fiscal, nestas não constavam o  visto da Receita estadual, pois os condutores não submeteram seus veículos à fiscalização do órgão.

Segundo a PRF, as mercadorias e os veículos foram encaminhados para a Receita estadual, que vai apurar o caso. As três pessoas detidas foram ouvidas e depois liberadas e devem responder pelo crime de sonegação.

Avaliação de Lula é 'troço de doido', diz ministro

As críticas de Lula ao julgamento do mensalão foram feitas pelo petista a uma rede de TV portuguesa

FOLHAPRESS 

A avaliação feita pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de que o julgamento do mensalão teve "80% de decisão política" é um "troço de doido", segundo o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio Mello. 
"Não sei como ele tarifou, como fez essa medição. Qual aparelho permite isso? É um troço de doido", disse.
As críticas de Lula ao julgamento do mensalão foram feitas pelo petista a uma rede de TV portuguesa. Além de dizer que somente 20% do processo foi baseado em decisões jurídicas, o ex-presidente alegou que o mensalão não existiu e disse achar que um dia "essa história vai ser recontada".              Ministro Marco Aurélio (Foto: Divulgação/STF)
Para Marco Aurélio, o ex-presidente está exercendo o seu "sagrado direito de espernear". Ele espera, porém, que a tese defendida por Lula não ganhe ressonância na sociedade.
"Só espero que esse distanciamento da realidade não se torne admissível pela sociedade. Na dosimetria [tamanho das penas] pode até se discutir alguma coisa, agora a culpabilidade não. A culpa foi demonstrada pelo Estado acusador", disse.
O ministro ainda rechaçou outro ponto criticado por Lula. Segundo o ex-presidente, o julgamento do mensalão foi "um massacre que visava destruir o PT"."Somos apartidários, não somos a favor ou contra qualquer partido", destacou Mello.
Além disso, o ministro ainda lembrou que, no final da primeira fase do mensalão a composição do STF era majoritariamente formada por ministros indicados por Lula. Por isso, em sua avaliação, as críticas do ex-presidente não fecham.
"Ele repete algo que não fecha. No final do julgamento eram só três ministros não indicados por ele. A nomeação [de ministros] é técnico-política e se demonstrou institucional. Como eu sempre digo, não se agradece com a toga".
Folha de S.Paulo também ouviu outros três ministros que, reservadamente, concordaram com Mello no que diz respeito ao "direito de espernear". Eles lembraram que a suprema corte americana também recebe críticas de políticos e avaliaram que esta não é primeira nem deverá ser a última vez que Lula irá reclamar do julgamento do mensalão.
Além disso, há avaliações entre os ministros que o ex-presidente pode estar buscando um discurso político para defender seu partido do mensalão devido às eleições que se aproximam. 

Rômulo Gouveia revela estratégias para ‘caçar órfãos’ de Cícero e Maranhão na corrida pelo Senado


Rômulo Gouveia revela estratégias para ‘caçar órfãos’ de Cícero e Maranhão na corrida pelo Senado
Pré-candidato ao senado, o vice-governador Rômulo Gouveia (PSD) revelou detalhes da estratégia que pretende colocar em prática para pegar os votos dos eleitores do senador Cícero Lucena (PSDB), e o ex-governador José Maranhão (PMDB) na sua corrida para a capital federal. Ele garantiu que está estudando o cenário, espera contar com os votos dos ciceristas e maranhistas, visto que os dois políticos praticamente estão fora da disputa para o Senado.

Em entrevista aa Correio FM, concedida nesta segunda-feira (28) Rômulo revelou como vem avaliando sua pré-postulação ao Senado como as especulações de que a cúpula do PSB teria enviado emissários a dirigentes do PMDB oferecendo vagas na majoritária e sua relação com Moacir Rodrigues irmão do prefeito Romero.

Para Rômulo como os primeiros colocados nas pesquisas para o Senado tanto o ex-governador José Maranhão (PMDB) e o Senador Cícero Lucena (PSDB) não devem disputar a vaga, o espaço está livre“Nesse cenário onde Cícero tem dificuldades para siar candidato à reeleição pelo PSDB e Maranhão é candidato a deputado eu seria o primeiro colocado, mas acredito que o eleitor não está preocupado com eleições nesse momento”.


O vice-governador revelou ainda que o governador Ricardo Coutinho lhe assegurou na chapa majoritária. “ Pois o que me motivou a ficar com Ricardo foi sua palavra de que eu teria o espeço que desejasse na sua chapa. Mas o governador ratificou esse fim de semana em Pombal que o espaço do PSD seria preservado”, disse. Rômulo também revelou que manteve recente encontro com Wilson Santiago (PTB) no seu apartamento onde conversaram sobre a conjectura política e possíveis cenários.


Questão Moacir Rodrigues – Sobre as especulações de que o irmão do prefeito Romero Rodrigues (PSDB) pode apoiar a reeleição do governador Ricardo Coutinho, o vice-governador destacou que essa decisão caberá tão somente a Moacir que detém de uma boa amizade com o governador. “Não adianta tapar o sol com peneira. Moacir tem uma boa relação com Ricardo que aceitou a indicação da esposa de Moacir para a secretaria de Interiorização. Quem tem que se entender são eles”, finalizou Gouveia garantindo espaço na legenda para Moacir.


Para ele, a candidatura de Moacir é viável. E nesse sentido, disse que o PSD não vai exigir nem impor nada a Moacir, deixando que ele tome a decisão que achar melhor.


Em relação a opção que tomou de permanecer com o governador Ricardo Coutinho, Rômulo disse que não se sente um traidor. Ele garante que sempre foi fiel a família Cunha Lima, e que decidiu entrar no governo, a pedido do próprio Cássio. Lembrou que na época, o cenário era desfavorável, mas atendendo apelo de Cássio, topou a proposta de ser candidato a vice governador. “Foi Cássio quem me convenceu a ser candidato a vice governador. Ele passei todo o tempo defendendo o governo, e agora não seria correto, passar a criticar o governo que fiz parte” afirmou.


Rômulo participa nesta segunda-feira (28) da inauguração do novo escritório da Unidade de Coordenação de Projetos da Região Nordeste, da Organização das Nações Unidas para a Alimentação (FAO). O evento acontece, às 15h, no auditório do Insa, em Campina Grande.


PBAgora