Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Seis governadores renunciam


Seis governadores renunciam
Vices de RJ, PE, MG, AM, PI e RR assumem governo nesta sexta-feira. Juízes e secretários que querem concorrer também devem renunciar.


Os atuais governadores que pretendem disputar eleições para outros cargos devem deixar o cargo até sábado (5), seis meses antes do pleito. O mesmo prazo de "desincompatibilização" também vale para juízes, secretários estaduais, ministros, membros de tribunais de contas e dirigentes de estatais e órgãos públicos, conforme calendário estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral. Não precisam deixar o cargo aqueles governadores que tentarão a reeleição ou aqueles que querem terminar o mandato sem concorrer no dia 5 de outubro. Nos estados, seis governadores já decidiram renunciar: Sérgio Cabral (PMDB-RJ), Eduardo Campos (PSB-PE), Antonio Anastasia (PSDB-MG), Omar Aziz (PSB-AM), Wilson Martins (PSB-PI) e José de Anchieta Júnior (PSDB-RR). Todos devem disputar o Senado, exceto Eduardo Campos, que é pré-candidato à Presidência.

Até esta quinta (3) havia expectativa da renúncia de Cid Gomes (PROS) no Ceará e de Siqueira Campos (PSDB) no Tocantins, mas não havia definição até a última atualização desta reportagem. Roseana Sarney (PMDB), que cogitava renúncia, anunciou nesta sexta que permanecerá no governo do Maranhão até o fim do mandato.

Veja abaixo quem assume em cada um dos estados:

Rio de Janeiro O vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) assume o governo a partir desta sexta-feira (4) e deve disputar a eleição para governador, em outubro. Prefeito por dois mandatos em Piraí (Sul Fluminense), Pezão foi eleito vice de Cabral em 2006, assumindo também a Secretaria de Obras, mas deixou o posto em setembro do mesmo ano para maior dedicação ao governo.

Pernambuco Assumirá o governo nesta sexta o vice João Lyra Neto (PSB), que também deve dar posse a um novo secretariado no estado. Empresário do setor de transportes, Lyra Neto foi eleito vice ao lado de Campos em 2007. No ano seguinte, assumiu a Secretaria de Saúde e mais tarde coordenou projetos na Segurança e na Educação.

Minas Gerais Toma posse no governo o vice Alberto Pinto Coelho (PP). Antes de ser eleito vice-governador de Anastasia, em 2010, foi deputado estadual por quatro mandatos na Assembleia Legislativa, que presidiu entre 2007 e 2009. Com carreira em cargos de gestão em estatais do estado, ele atualmente preside o PP em Minas.

Amazonas Assume o governo o vice José Melo (PROS), eleito com Aziz em 2010. Economista e professor, participou desde os anos 1990 de várias administrações no estado, como secretário nas áreas de Educação, Cultura, Desenvolvimento Agrário, Interior. Também presidiu a Sociedade de Navegação Portos e Hidrovias.

Piauí Assume o governo o vice José Filho (PMDB), que deverá compor um novo secretariado para o estado. Empresário e industrial, atualmente preside Federação das Indústrias do Piauí e participa da direção do Sesi e do Senai no estado. Antes de ser eleito vice em 2010, foi vereador, prefeito e deputado estadual por dois mandatos.

Roraima O governo ficará com o vice Chico Rodrigues (PSB), eleito em 2010 com Anchieta Júnior. Engenheiro agrônomo, foi secretário estadual e depois vereador em Boa Vista. Foi eleito deputado federal em cinco mandatos. Antes de se filiar ao PSB em 2012, passou pelo DEM, pelo qual foi eleito vice-governador, e pelo PMDB.



G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog