Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Paraíba oferece três roteiros de turismo rural durante a Copa


Paraíba oferece três roteiros de turismo rural durante a Copa
 Empreendimentos criativos, culturais, ecológicos e rurais poderão ser conhecidos pelos milhares de turistas brasileiros e estrangeiros que visitam o país sede da Copa do Mundo de Futebol. O projeto Talentos do Brasil Rural selecionou 23 roteiros turísticos que valorizam a identidade cultural da região, promovem a geração de emprego e renda e agregam valor à produção de grupos locais. Na Paraíba foram escolhidos três roteiros: Caminhos dos Engenhos (região do Brejo), Uma Viagem à Civilização dos Potiguara (Litoral Norte) e Mares Quilombolas (Litoral Sul).


“O aumento no fluxo de turistas, neste período da Copa, renderá mais negócios para os empreendedores de micro e pequeno porte. A ideia é divulgar os roteiros não apenas no período dos jogos, mas durante todo o ano”, afirmou a analista do Sebrae, Maísa Duarte. A Paraíba foi selecionada por estar entre Pernambuco e Rio Grande do Norte, cujas capitais sediam jogos da competição.


O roteiro Caminhos dos Engenhos envolve as cidades de Areia e Bananeiras, no Brejo paraibano, que estão a cerca de 180 km da capital do Rio Grande do Norte, Natal, cidade-sede, e de onde devem originar os passeios. Nesse roteiro, os visitantes conhecerão a produção de cachaça e rapadura nos engenhos e conhecerão o patrimônio histórico, rural e cultural da região. “A civilização do açúcar deixou grandes marcas na Paraíba e no Nordeste brasileiro. A influência dessa atividade ainda está presente nos hábitos, costumes e tradições de toda a região”, destaca a gestora de Turismo do Sebrae Paraíba, Regina Amorim.


Ela ressaltou que foram organizados três tipos de passeios, sendo cada um com dois dias de atividades turísticas, que já são oferecidos por diversas agências de turismo receptivo. “O turismo no Brejo é muito rico e oferece inúmeras atividades, como visitas a museus, caminhadas, artesanato, excelente gastronomia, além de vivências da produção associada ao turismo”, diz Regina, explicando que o turista pode participar de uma oficina de pintura de bonecas de barro, por exemplo, ou participar da produção de um doce caseiro.


Já no Litoral Sul, o roteiro do projeto Talentos do Brasil Rural é o Mares Quilombolas, que envolve os municípios do Conde e de Pitimbu, distantes cerca de 100 km de Recife (PE), cidade-sede da Copa e de onde saem os passeios. Este é um dos únicos roteiros do projeto em que o turismo rural está muito próximo da praia. Fazem parte do roteiro a visitação à comunidade Quilombola Ipiranga, onde o turista vivencia a dança do coco de roda, conhece o Museu Quilombola, degusta os produtos da agricultura familiar, em sítios e restaurantes, além de poder participar de passeios de jipe e caminhadas ecológicas.


“Oferecemos inúmeros atrativos turísticos, que podem ser visitados em 2 ou 3 dias. Há uma imensa atividade cultural nessa região, com artesanato da escama de peixe e mariscos, a Quinzena Cultural de Pitimbu, com apresentações em praça pública, além das riquezas históricas da comunidade quilombola do Conde”, ressaltou o diretor da base local da Costa do Conde da Secretaria Municipal de Turismo da cidade, Danylo Aguiar.


O terceiro roteiro paraibano é uma viagem pelo Litoral Norte do Estado, onde se encontram a arte e a cultura dos índios potiguaras. O passeio parte de Natal (RN) com destino aos municípios paraibanos de Mamanguape, Rio Tinto, Marcação e Baía da Traição, distantes em torno de 130 km da capital do Rio Grande do Norte. Intitulado de “Uma viagem à civilização dos potiguara”, o roteiro apresenta a cultura indígena e o artesanato local.


Talentos do Brasil Rural Cerca de 400 empreendimentos em 54 municípios fazem parte do projeto desenvolvido pelos os ministérios do Desenvolvimento Agrário (MDA), do Turismo (MTur) e o Sebrae. Os roteiros, que foram escolhidos por meio de chamada pública, foram mapeados, apresentados ao mercado turístico e receberam consultoria especializada e apoio à comercialização. Um dos requisitos para escolha é que o roteiro possa ser percorrido a, no máximo, três horas de uma das 12 capitais-sedes da Copa do Mundo, considerando meio terrestre ou aquaviário.


O consumo dos produtos não fica restrito às propriedades familiares. Os produtos fornecidos pela agricultura familiar podem ser consumidos em hotéis, restaurantes e vendidos em lojas das cidades e centros comerciais próximos aos estádios da Copa.


Os roteiros selecionados são:

Tucorin: Turismo Comunitário no Baixo Rio Negro (AM)

Trilha do Visgueiro (AL)

Roteiro Ecoétnico (BA)

Cultura e Ecologia em Busca do Futuro (CE)

Trekking Travessia (GO)

Circuito na Vivência da Agricultura Familiar do Serras de Minas (MG)

Caminhos Rurais da Mata Atlântica de Minas (MG)

Circuito Rural e Ecológico do Vale do Rio Preto (MG)

Roteiro Serras Rurais (MG)

Natureco Pantanal Remoto (MT)

Circuito Eco-Rural Caminhos do Brejal (RJ)

Caminho dos Engenhos (PB)

Uma Viagem à Civilização dos Potiguara (PB)

Mares Quilombolas (PB)

Circuito Turístico Caminhos Históricos da Serra (PR)

Caminhos do Vinho (PR)

Roteiro do Seridó (RN)

Caminhos Rurais de Porto Alegre (RS)

Vale dos Vinhedos (RS)

Agroturismo – Gramado (RS)

Caminhos da Colônia (RS)

Roteiro Caminhos de Pedra (RS)

Roteiro Rural "Caminhos da Roça" (SP)


Ascom

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog