Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

domingo, 8 de junho de 2014

Tiros são disparados contra casa de presidente do Partido da Solidariedade no Conde

IMG-20140607-WA0036IMG-20140607-WA0034 IMG-20140607-WA0038
10346226_665862010156919_6692979793181016686_n
O presidente do Partido da Solidariedade na cidade de Conde, José Neto registrou na tarde deste sábado (07) um Boletim de Ocorrência na Delegacia de Alhandra, após encontrar o portão de sua residência em Carapibus com três disparos de arma de fogo.
De acordo com José Neto, ele passou a semana em João Pessoa e após retornar a cidade de Conde, se surpreendeu ao ver buracos de balas no seu portão. Os disparos atingiram a parede de dentro da residência. Os projeteis ainda estavam espalhados pelo chão da casa do dirigente partidário, que acionou de imediato a Policia Militar. Em seguida, José Neto foi até a cidade de Alhandra para registrar a ocorrência e o delegado de plantão, Paulo Martins, que solicitou uma pericia na casa do denunciante.
O presidente do SDD na cidade de Conde, também é proprietário do blog “Conexão Litoral Sul e em seu depoimento afirmou não ter inimigos, mas, estranhou a ligação do gerente operacional da Casa da Cidadania de Alhandra, Vailson Oliveira, após publicar em seu blog uma denúncia contra a unidade em Alhandra. Neto disse que Vailson não gostou da publicação, que foi baseada em uma denuncia feita na rádio Alhandra FM, por uma moradora de Alhandra que informou que não foi atendida na Casa da Cidadania, pois o local estava priorizando o atendimento aos moradores da cidade de Conde.
“Eu ouvi a denúncia dessa senhora na Alhandra FM e fiz uma matéria no meu blog sobre o assunto. Ela disse que não foi atendida e mandaram que ela voltasse no outro dia, mas, ela viu que chegaram três pessoas da cidade de Conde e foram atendidas. O Vailson Oliveira, gerente da Casa, me ligou questionando a matéria, eu ofereci o direito de resposta para ele, mas, ele não quis e ficou insistindo em vir na minha casa, pois queria conversar comigo pessoalmente. Como não estava no Conde, me disponibilizei a ir até a Casa da Cidadania gravar a resposta dele e publicar, ele não aceitou. Inclusive eu entreguei uma cópia do áudio dessa conversa ao delegado. Não estou acusando o Vailson de nada, porém, fui perguntado e relatei que o único fato estranho que me ocorreu foi esse, e quero que a policia investigue e descubra quem fez isso. Pois é um crime de ameaça e não pode ficar assim”, declarou José Neto.
A pericia no local já foi realizada e a Policia Civil nomeou o fato como AMEAÇA. “Vamos investigar o caso e prender quem praticou ou mandou praticar está ação, pois essa é a nossa função”, declarou o delegado.
O Partido da Solidariedade Estadual vai emitir uma nota em solidariedade ao filiados e dirigente municipal José Neto.
O prefeito de Alhandra, Marcelo Rodrigues e o vereador Edielson Nunes também já se solidarizaram com a vitima desse atentado.

Portal do Litoral PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog