Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Viúva de Campos diz estar à disposição do PSB


Viúva de Campos diz estar à disposição do PSB
 Em sua primeira fala após a morte do marido Eduardo Campos (PSB), a viúva do ex-governador de Pernambuco, Renata Campos, leu uma curta carta afirmando que a família não vai "desistir" do Brasil.

"Fica tranquilo, Dudu, teremos a sua coragem para mudar o Brasil. Não desistiremos do Brasil. É aqui que cuidaremos dos nossos filhos", disse, sendo bastante aplaudida pelo público que a acompanhava. O nome de Marina Silva (PSB) não foi tocado em momento algum de nenhum discurso

Renata convocou o encontro com lideranças e militância de todos os partidos da Frente Popular de Pernambuco para esta segunda-feira (18). Ela chegou à casa de eventos Blue Angel, no bairro do Derby, no Recife, com duas horas de atraso, acompanhada dos cinco filhos --Maria Eduarda, João, Pedro, José e Miguel.

Também vieram com elas os candidatos da chapa socialista, Paulo Câmara, para o governo, e Fernando Bezerra Coelho, para o Senado. Sem falar com os jornalistas, foi direto ao palco, onde era aguardada por mais de 2.000 pessoas.

Antes de falar, ouviu os discursos das principais de lideranças. Na carta lida, Renata disse que estava lá com os filhos para se colocar à disposição dos candidatos da Frente Popular. "Nós estamos aqui para deixar essa mensagem", disse.

No fim, o público cantou os parabéns para a aniversariante, que completou 47 anos nesta segunda-feira. Renata deixou o local sem falar com a imprensa.

Antes, Fernando Bezerra Coelho afirmou que Eduardo teria dito que a campanha teria começado na véspera da morte. "Eduardo me disse: O jogo vai começar quando eu sentar na bancada do Jornal Nacional. Ali o Brasil vai conhecer o que eu fiz por Pernambuco, relatou.


UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog