Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

domingo, 30 de novembro de 2014

Papa Francisco encerra neste domingo viagem à Turquia

O Papa Francisco encerra neste domingo (30) sua viagem à Turquia com um programa de caráter ecumênico e de aproximação com outras religiões em um país onde a presença do cristianismo é quase inapreciável.
No dia seguinte de sua oração na Mesquita Azul, o pontífice se encontrou em Istambul com o Grande Rabino da Turquia, Isak Haleva.
Papa Francisco com o patriarca ecumênico Bartolomeu I (Foto: Umit Bektas/Reuters)Papa Francisco com o patriarca ecumênico Bartolomeu I (Foto: Umit Bektas/Reuters)
A reunião aconteceu às 9h (5h de Brasília) na cidade do Bósforo, onde o Papa pernoitou.
Depois, Francisco se reuniu com o máximo representante dos ortodoxos, o patriarca ecumênico Bartolomeu I, com quem no sábado concordou na vontade de caminhar rumo à unidade com os católicos e superar a cisma que os separou no ano de 1054.
Na sede do patriarcado, a Catedral de São Jorge, o Papa participou com Bartolomeu I da cerimônia da "divina liturgia".
O último dia do Papa neste país quase absolutamente muçulmano (mais de 99% da população) concluirá com uma saudação aos alunos do Oratório Salesiano no jardim da representação pontifícia. O papa deve depois deixar Istambul às 17h (13h em Brasília).
Papa Francisco com o patriarca ecumênico Bartolomeu I  (Foto: Reuters)Papa Francisco com o patriarca ecumênico Bartolomeu I (Foto: Reuters)
Viagem delicada
O Papa iniciou esta viagem de três dias à Turquia na sexta-feira para defender o diálogo entre as religiões e a paz no Oriente Médio, em um país que abriga dois milhões de refugiados, incluindo muitos cristãos do Iraque e da Síria.
A viagem começou por Ancara e passou pelo Museu de Santa Sofia e pela Mesquita Azul, lugares emblemáticos para os muçulmanos, como fez em 2006 Bento XVI, em um momento muito mais tenso por suas polêmicas declarações sobre a relação entre violência e islã que geraram uma onda de protestos.
A viagem chegou a ser considerada delicada, já que a Turquia, com 76 milhões de habitantes, tem 99% da população muçulmana e passa por um momento de tensão pelos conflitos no Iraque e na Síria, o que motivou confrontos internos entre curdos e turcos.
(*com informações da Efe)

Grande João Pessoa recebe segunda composição do VLT

Chegou na tarde deste sábado (28), a segunda composição do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que substituirão as locomotivas antigas da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), que atende a grande João Pessoa.

O equipamento é igual a que desembarcou a cerca de um mês no Moinho de Cabedelo, sendo dois carros motrizes, e um carro rebocado.

Em cima de carretas, o VLT veio da fábrica da montadora Bom Sinal,  localizada em Barbalha, Ceará.

Ao todo serão oito composições iguais as que já chegaram a João Pessoa.

De acordo com Othomagno Viegas, gerente regional operacional da CBTU, a primeira composição que chegou a Paraíba já está montada e sendo testada pela equipe técnica da Bom Sinal. Eles estão testando principalmente a frenagem e aceleração do veículo. Ontem foi feito uma pequena viagem entre as estações de Cabedelo e João Pessoa.



Cada composição terá capacidade para  conduzir  130 passageiros sentados e 445 em pé.

A CBTU já estuda a possiblidade de inserir, a partir de janeiro, o serviço do VLT  na grade de horário para começar a conduzir os passageiros na região metropolitana.

O equipamento que chegou hoje ficará ainda sobre as carretas no Moinho de Cabedelo até a manhã deste domingo (2), quando, por volta das 6h.  será feito o processo de desembarque das partes do VLT. Posteriormente, o VLT será levado para o pátio da estação da CBTU em Cabedelo, onde funciona o parque de montagem e são realizados os primeiros testes.


Roberto Targino - MaisPB

Senado vota projeto que proíbe ligações sem identificação


Senado vota projeto que proíbe ligações sem identificação
 A Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) reúne-se na terça-feira (2), às 8h30, para apreciar projeto que torna obrigatória e gratuita a identificação do número do telefone nas chamadas telefônicas. O objetivo é evitar a prática de crimes por meio das redes de telefonia e coibir abusos na prática dos serviços de telemarketing e de cobranças.


O Projeto de Lei do Senado (PLS) 433/2013, apresentado pelo senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), estabelece que as prestadoras de serviços de telefonia fixa ou móvel oferecerão aos usuários, sem custo adicional, o serviço de identificação do código de acesso originador da chamada. Também proíbe a oferta de serviços ou equipamentos que impossibilitem ou obstruam a identificação dos códigos de acesso telefônico pelos usuários.


Vital ressalta que chamadas não identificadas – que comumente aparecem na tela do telefone com expressões como “bloqueado”, “restrito” ou “não identificado” – têm sido utilizadas pelo crime organizado, estelionatários e chantagistas, “que procuram aterrorizar suas vítimas sob o manto do anonimato”. Ele lembrou casos de pessoas que vieram a falecer de infarto em razão do golpe do sequestro por telefone, acreditando que o suposto sequestrador estivesse de fato com um ente querido.


Se o número do telefone fosse identificado, argumenta Vital, a polícia poderia rastrear e prender os bandidos. Mas essa possibilidade se perde pela demora do procedimento previsto na legislação em vigor – apresentação de denúncia para obtenção do número de origem da chamada –, favorecendo o bandido, “que tem por hábito mudar de celular rotineiramente”.


"Meu projeto dispõe sobre a obrigatoriedade e gratuidade da identificação de chamadas nas linhas fixas e móveis para que o usuário possa identificar a origem da chamada e altera o inciso VI e inclui o inciso XIII ao art. 3º e altera o art. 4º para inclusão do inciso IV, da Lei n.º 9.472, de 16 de julho de 1997, visando garantir a identificação do número de acesso nas chamadas realizadas por meio da rede telefônica”, afirmou.


Telemarketing - O projeto ainda torna obrigatória a identificação de código de acesso que permita o imediato retorno da chamada em casos de ligações efetuadas por empresas a consumidores. A intenção é evitar que ligações do tipo “restrito” ou “não identificado” sejam usadas por call center, telemarketing ou empresas de cobrança para campanhas agressivas ou assédio moral, ferindo direitos previstos no Código de Defesa do Consumidor.


Agência Senado

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Estado debate sobre qualidade da água dos rios paraibanos


 A qualidade da água dos rios paraibanos será discutida durante a 4ª reunião do Comitê das Bacias Hidrográficas do Litoral Sul, que acontecerá na próxima terça-feira (2), em João Pessoa. O evento é promovido pelo Governo do Estado, por meio da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) e terá início às 8h, no auditório do Departamento de Estradas e Rodagem (DER).


Durante a apresentação “Enquadramento dos Corpos Hídricos nas Bacias Hidrográficas do Litoral Sul”, os membros do comitê vão conhecer o processo de classificação de rios, açudes e poços de acordo com a qualidade da água. “Na primeira etapa será abordada a legislação vigente, conceitos e metodologias para o enquadramento, considerando a competência de comitês. Na segunda, será realizado um exercício voltado para as bacias hidrográficas do litoral sul, para melhor fixação e entendimento”, detalhou a técnica da Aesa responsável pela exposição, Marie Eugenie.


programação também conta com a palestra “Visão geral do 16º ENCOB”, no qual o representante paraibano no Encontro Nacional de Comitês de Bacias, Siese de Meer, vai apresentar os temas discutidos no evento realizado entre os dias 23 e 28 de novembro, em Maceió.


A 4ª reunião do Comitê das Bacias Hidrográficas do Litoral Sul terá a participação de líderes comunitários, usuários de água, representantes de prefeituras e de órgãos públicos de nove municípios: Alhandra, Caaporã, Conde, Cruz do Espírito Santo, João Pessoa, Pedras de Fogo, Pitimbu, Santa Rita e São Miguel de Taipu.


Os membros do comitê auxiliam no gerenciamento e preservação dos recursos hídricos atuando em parceria com a Aesa. Eles identificam e denunciam possíveis situações de degradação das bacias, pontos de assoreamento, presença de olarias nas margens dos rios e de atividades extrativistas irregulares.


O Estado possui quatro comitês de bacia: Litoral Norte, Litoral Sul, Rio Paraíba e Piranhas-Açú. Este último é de âmbito federal, sendo 60% da área na Paraíba e 40% no Estado do Rio Grande do Norte. Outras informações sobre comitês de bacias estão disponíveis no site da Aesa (www.aesa.pb.gov.br), através dos telefones 3211-6453 e 3211-6458.


Secom-PB

Campeonato Paraibano de Beach Soccer define finalistas neste sábado


Campeonato Paraibano de Beach Soccer define finalistas neste sábado
 A rodada deste final de semana do Campeonato Paraibano de Beach Soccer irá definir os classificados para a final da primeira fase nas modalidades masculino e feminino. Serão cinco jogos neste sábado (29), que acontecem a partir das 15h e vão até às 19h na praia de Cabo Branco. A competição tem o apoio da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer).

O secretário de Esportes, Edmilson Alves, destaca que a competição já entrou no gosto do público, que sempre comparece em grande número a praia de Cabo Branco para acompanhar as partidas. “Nossa cidade reúne ótimas condições para realizar competições esportivas como o Beach Soccer. Temos belas praias, clima sempre bom e, claro, boas equipes, por isso que o público tem prestigiado tanto a competição” disse.

Já o presidente da Federação Paraibana de Beach Soccer, Aílton Cavalcanti, ressalta o alto nível do campeonato, destacando também o acirramento das equipes nas disputas deste sábado (29) pelas vagas nas finais. “A competição está afunilando. Acredito que, pela necessidade das equipes de ter que vencer a todo custo, a rodada deste final de semana será realmente empolgante”, afirmou.

No masculino, das seis equipes que disputam à competição, duas se classificam para a final. No feminino, as duas finalistas saem do chaveamento composto por quatro equipes.

Confira os jogos da terceira rodada do Campeonato Paraibano de Beach Soccer: Masculino 15h – Gama/Menino Jesus X Força Jovem Universal 16h – Porto de Cristo - Jacaraú X Palhoça Marisol 17h – Moroni/Fênix Pitimbu X Servicar/Cruz do Espirito Santos.

Feminino 18h – Santa Cruz/Santa Rita X CCLB do Alto do Mateus 19h – Servicar X Juventude Brasileira


Secom-JP

Será proibida a venda de bebidas alcoólicas na Romaria da Penha

 A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), estará com um esquema especial neste sábado (29) na Romaria da Penha. Cerca de 60 agentes de controle urbano estarão fiscalizando a venda de bebidas alcoólicas. Nesta sexta-feira (28), foi feita toda marcação dos locais que os comerciantes informais vão ocupar na Praia da Penha. Ao todo, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano selecionou 113 ambulantes. “Pelo segundo ano consecutivo, a venda de bebidas alcoólicas está proibida. Por conta, disso, nossos agentes estarão fiscalizando todo o percurso”, afirmou o secretário João Almeida. Para os comerciantes que utilizarão gás de cozinha, é necessário o certificado do Corpo de Bombeiros. Já nas barracas instaladas ao longo do percurso, será obrigatório o uso de extintores de incêndio. “Estamos tomando todos os cuidados necessários para não ocorrer nenhum tipo de incidente durante a Romaria da Penha”, ressaltou Almeida. Romaria - Nessa 251ª Romaria da Penha, a estimativa é de que 400 mil pessoas participem de um dos maiores eventos religiosos do Brasil. Os romeiros irão percorrer 14 quilômetros, que sai da Igreja de Lourdes, que fica no bairro de Jaguaribe, passando pelas avenidas João Machado, Pedro II, segue pelo Trevo Universitário, principal do bairro dos Bancários, Trevo de Mangabeira e pela pista que dá acesso à Praia da Penha até chegar à Praça Oswaldo Pessoa.


MaisPB com Secom JP

Homenagem: SBT exibe especial hoje


Homenagem: SBT exibe especial hoje
 O comediante Roberto Gómez Bolaños, criador do Chaves, morreu nesta sexta-feira (28), aos 85 anos. A morte do ator e escritor foi confirmada pela emissora mexicana Televisa, que interrompeu a programação por volta das 19h (horário de Brasília) para exibir um especial com os melhores momentos da carreira do humorista. O SBT, que emitirá uma nota oficial logo mais, tem pronto um especial póstumo sobre Bolaños, gravado no final do ano passado, e irá exibi-lo às 21h15, após Chiquititas.

Bolaños vivia isolado em Cancún, cidade litorânea do México, com a mulher, Florinda Meza, a Dona Florinda da série Chaves. O comediante tinha problemas respiratórios e de locomoção, e estava desde o final do ano passado respirando com um cilindro de oxigênio.

Nascido em 21 de fevereiro de 1929, Bolaños começou a carreira artística em 1953, como redator publicitário para rádio e TV. Redigiu para a dupla de humoristas Viruta e Capulina (Marco Antonio Campos e Gaspar Henaine) antes de ter o seu próprio programa.

Roberto Gómez Bolaños também escreveu para o cinema e recebeu do cineasta mexicano Agustín P. Delgado o apelido de Chespirito, alusão ao escritor inglês William Shakespeare (1564-1616).

Em 1968, ganhou seu próprio humorístico, Los Supergenios de la Mesa Cuadrada, pela TIM (Televisión Independiente de México). Além de escrever, atuou como Doutor Chapatín e contracenou com três atores que futuramente fariam parte do elenco de Chaves: Maria Antonieta de las Nieves, Ramón Valdés e Rúben Aguirre.

Chapolin estreou em 1970 e Chaves no ano seguinte, ainda como quadros do programa Chespirito. As séries bateram recordes de audiência e viraram programas próprios em 1973. A Televisa tentou contratar Bolaños, mas após a recusa do comediante decidiu comprar a emissora onde ele trabalhava e ampliar a rede.

Os programas de ​Chespirito ficaram no ar durante quase 30 anos ininterruptos no México, e saíram do ar em 1995. Nos anos 1980, Silvio Santos comprou novelas mexicanas da Televisa e recebeu Chaves e Chapolin como "brinde". As séries estrearam no SBT em 1984 e estão até hoje no ar, com até 10 pontos no Ibope da Grande São Paulo.




UOL

Ator Roberto Gómez Bolaños, criador do Chaves e Chapolin, morre aos 85 anos no México


Ator Roberto Gómez Bolaños, criador do Chaves e Chapolin, morre aos 85 anos no México
 O ator Roberto Bolaños, criador de personagens como Chaves e Chapolin, morreu aos 85 anos nesta sexta-feira (28), em sua casa em Cancún, no México, segundo informações da rede de televisão mexicana Televisa. A causa da morte não foi divulgada.

Com problemas respiratórios, dificuldades para se locomover e se mexer, o ator e comediante havia se isolado com a família em Cancún segundo informações divulgadas em abril deste ano.

Bolaños era casado com Florinda Meza, a atriz que interpretava a maioria dos personagens femininos inclusive a Dona Florinda, desde 2004. Ele era pai de Roberto, Paulina, Graciela, Marcela, Teresa e Cecília, frutos do primeiro casamento, com Graciela Fernández Pierre.

"El Chavo del Ocho", nome original da série "Chaves", foi exibida pela primeira vez em 20 de junho de 1971 no México. No Brasil, "Chaves" é o seriado infantil de maior longevidade da TV. No ar no SBT desde 1984, o programa conta a história de um menino órfão que vive dentro de um barril, em um cortiço.

O personagem e seus amigos Quico, Chiquinha, Nhonho, seu Barriga, seu Madruga, dona Florinda, professorGirafales e dona Clotilde, conhecida como "a bruxa do 71", conquistaram crianças e adultos de todas as gerações no país com seu humor ingênuo, cheio de bordões e sem qualquer palavrão.

Biografia

Roberto Gómez Bolaños nasceu na Cidade do México em 21 de fevereiro de 1929. Filho da secretária bilíngue Elsa Bolaños Cacho e do pintor, cartunista e ilustrador Francisco Gómez Linares, Bolaños começou a carreira como escritor criativo para rádio e televisão durante a década de 1950. Começou a representar como ator em 1960, no filme "Dois Criados Malcriados". Bolaños começou sua carreira como roteirista de programas de comédia e de obras do seu xará de codinome, o britânico William Shakespeare, cujo apelido no diminutivo, pronunciado à espanhola, se leria "Chespirito". Em 1968, começaram as transmissões Independentes de Televisão no México e Chespirito foi chamado como escritor para a realização de um programa com duração de meia hora. E assim, nasceu "Los Supergenios de la Mesa Cuadrada". Ao lado de Chespirito, contracenavam Ramón Valdés, Rubén Aguirre e María Antonieta de las Nieves. Em 1970, o programa teve sua duração aumentada. Nessa época, surge o Chapolin Colorado, um herói atrapalhado. Um ano depois, foi criado o personagem que se tornaria o maior sucesso de Bolaños, Chaves. Ambos os personagens funcionaram tão bem que as sketches se tornaram séries independentes de 30 minutos de duração em 1973, após o fim do Programa Chespirito.




UOL

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Bombeiros recebem instrução de socorro à vítima presa em elevador


 Bombeiros recebem instrução de socorro à vítima presa em elevador
Um grupo de praças e oficiais do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBM-PB), lotados no 1º Batalhão Bombeiro Militar de João Pessoa, participaram de instrução sobre os procedimentos a serem adotados em ocorrências com vítimas presas em elevador. A capacitação aconteceu em um edifício residencial no bairro do Bessa, na Capital, e reuniu 23militares.


Conforme o oficial Relações Públicas do 1º BBM, tenente Alisson Dutra, foram repassados conhecimentos sobre destravamento de portas, procedimentos utilizados quando o elevador não está no mesmo nível de algum pavimento, desligamento da chave geral do equipamento e funcionamento mecânico do elevador no caso de falta de energia.


A instrução foi passada pelo técnico de segurança do trabalho de uma empresa fabricante de elevadores e escadas rolantes, José Edson Santos. Ele abordou diversos tipos de situação envolvendo pessoas em elevadores, incluindo casos de queda do equipamento. “Quando o elevador despenca, existe um sistema automático de freio para que ele não venha a ter contato direto com o solo, parando no pavimento de nível mais baixo”, contou José Edson.


O tenente Alisson Dutra destacou que esse tipo de instrução é feita anualmente com os integrantes da unidade, dentro de uma política de recapacitação do efetivo. Os bombeiros do Batalhão também participaram de uma instrução de Salvamento Veicular, voltada para o atendimento de vítimas em acidentes automobilísticos. A aula aconteceu no pátio da unidade e envolveu as guarnições que estavam de serviço operacional.


A unidade – O 1º Batalhão de Bombeiro Militar (1º BBM) tem sede em João Pessoa e atua na Capital e em Alhandra, Bayeux, Caaporã, Cabedelo, Conde, Cruz do Espírito Santo, Lucena, Pedra de Fogo, Pitimbú e Santa Rita.


Secom-PB

TRE marca para o dia 17, cerimônia de diplomação dos eleitos em 2014


TRE marca para o dia 17, cerimônia de diplomação dos eleitos em 2014
 A cerimônia de diplomação dos eleitos na Paraíba nas eleições 2014 já tem data e horário marcados. Esse ano, o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) decidiu que a solenidade vai acontecer no dia 17 de dezembro a partir das 16h00, no Teatro Paulo Pontes do Espaço Cultural.


No último pleito a diplomação aconteceu na Estação Ciência Cabo Branco.


Serão diplomados para o mandato de quatro anos o governador Ricardo Coutinho (PSB), a vice, Lígia Feliciano (PDT), os 12 deputados federais e ainda os 36 deputados estaduais eleitos no último pleito. Já o senador José Maranhão (PMDB) será diplomado para um mandato de oito anos, assim como seus suplentes.


Esse ano a cerimônia será comandada pelo desembargador Saulo Benevides, presidente do TRE e, em seguida, o cerimonial começa a convocar os eleitos em ordem inversa: começando pelos suplentes de deputados estaduais.

O governador reeleito, Ricardo Coutinho será o último a receber o diploma e deverá falar em nome dos eleitos.

De acordo com a Resolução TSE n.º 23.399/2013, em seu artigo 225, a expedição de qualquer diploma pela Justiça Eleitoral dependerá de prova de que o eleito esteja em dia com o serviço militar e, desta forma, os eleitos que têm até 45 anos devem encaminhar à Secretaria Judiciária do TRE a referida quitação .




Redação

TRANQUILIDADE: veja o que espera pelo paraibano Vital do Rêgo no TCU; Salário é R$ 23,2 mil


TRANQUILIDADE: veja o que espera pelo paraibano Vital do Rêgo no TCU; Salário é R$ 23,2 mil
Emprego vitalício, aposentadoria e salário  mensal de R$ 23,2 mil. Isso é o que espera quem consegue uma das nove vagas de ministro do TCU (Tribunal de Contas da União), um dos cargos mais cobiçados de Brasília, privilégio que vai ser alcançado pelo senador paraibano Vital do Rêgo Filho(PMDB), único nome apresentado pelo Senado que irá substituir o pernambucano José Jorge.  


Vital que irá ocupar um posto que já pertenceu ao paraibano João Agripino terá a oportunidade de nomear quatorze assessores comissionados além de plano de saúde e auxílio-alimentação.  


Os ministros que assumem o TCU contam com os seguintes benefícios:cargo vitalício; salário de quase R$ 24 mil; carro com motorista; moradia; cota de passagens área (igualzinha à dos parlamentares) e “ajuda” de custo de R$ 70 mil para aqueles que não moram em Brasília. Eles trabalham nove meses ao ano, pois gozam de dois meses de férias e um mês de recesso, e têm direito ao ressarcimento integral das despesas médicas, independentemente do valor. Esses benefícios também são estendidos para ministros-substitutos e procuradores.  


CARGO- Para exercer o cargo vitalício de ministro do tribunal, o candidato precisa ter notório conhecimento jurídico, idoneidade moral e reputação ilibada. Três dos nove ministros do TCU são escolhidos pelo presidente da República, a partir de uma lista tríplice elaborada pela própria corte. As outras seis vagas são preenchidas pelo Congresso Nacional. O tribunal é responsável pela fiscalização contábil, orçamentária e patrimonial da União.


EXPECTATIVA- A sabatina da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) com o senador Vital do Rêgo Filho (PMDB), indicado pelo seu partido para o cargo de ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), deverá acontecer na próxima terça-feira (2). A cadeira de Vital do Rêgo será ocupada por Raimundo Lira (PMDB), o primeiro suplente do Senado.


Henrique Lima 

PB Agora

PSB proíbe filiados de assumirem cargos no governo Dilma

Givaldo Barbosa / Agência O Globo
A Executiva Nacional do PSB decidiu, na tarde desta quinta-feira (27), durante reunião em Brasília proibir que filiados do partido participem do governo da presidente Dilma Rousseff (PT). "Ninguém ocupará cargo no governo em nome do PSB. Nem nesse governo que se encerra e nem no próximo", disse o presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira. O partido decidiu que se manterá independente (e não na oposição) em relação ao governo petista.


O presidente Carlos Siqueira explicou que a proibição de membros do partido de integrarem o governo do PT está restrita ao âmbito federal. Ele disse que integrantes do PSB estão autorizados a assumirem cargos em governos do PT nos Estados da mesma forma que petistas poderão integrar os governos do PSB. Em pelo menos quatro Estados: Acre, Amapá, Paraíba e Bahia, o PSB apoiou a candidatura de Dilma no segundo turno.

A reunião da Executiva durou quatro horas e meia e contou com a presença de atuais governadores como o do Espírito Santo, Renato o Casagrande, e de governadores eleitos como Rodrigo Rollemberg, do Distrito Federal, e Paulo Câmara, de Pernambuco. Marina Silva, terceira colocada na disputa para presidência da República, não participou do encontro. A justificativa dada pelo comando do PSB para a ausência de Marina à reunião é de que a ex-senadora não pertence à Executiva Nacional do partido.


Siqueira evitou falar em penalidades para possíveis filiados do PSB que integrem o governo federal, mas disse que os casos serão analisados pela executiva do partido. Mais cedo, o líder do PSB na Câmara, Beto Albuquerque (PSB-RS), foi mais enfático. "Se quiser ir para o governo, pede para sair do PSB e fica bem mais fácil", afirmou Albuquerque.


A proibição de membros do PSB de integrarem o governo petista atinge alas do partido mais próximas ao PT. O PSB foi aliado do PT e ocupou ministérios desde o governo Lula até outubro de 2013, quando o então ministro da Integração Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) deixou o governo. Naquele mês, o partido começava a preparar a candidatura do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos à Presidência. O próprio Campos foi ministro da Ciência e Tecnologia de Lula.


Partido Rachado


Com a morte de Campos e a candidatura de Marina Silva (PSB), o partido 'rachou'. O então presidente da sigla, Roberto Amaral, chegou a declarar apoio à candidatura de Dilma no segundo turno, enquanto a Executiva do partido declarou apoio a Aécio Neves (PSDB).


MaisPB 

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Moradores queimam lixo nas ruas por falta de coleta na cidade de Conde

CONDE PBfogoQueima-de-lixo

00:00
00:12
A gestão da prefeita Tatiana Corrêa a frente da prefeitura municipal de Conde, ganhou ares das cidades Sodoma e Gomorra que foram destruídas pelo fogo! Tal comparação se deve as dezenas de focos de incêndio que os moradores estão tendo que fazer para queimar o lixo residencial, em vários bairros, porque a Prefeitura não está fazendo a coleta pública obrigatória dos resíduos regularmente. Pior que a administração municipal parece não estar nem um pouco preocupada com essa situação, tal é o descaso com que trata uma questão tão importante para o dia-a-dia da população.
As famílias se queixam que o acúmulo de lixo nas ruas está trazendo diversas doenças para as pessoas e pedem providências. A ação de queima dos resíduos em bairros, onde moram crianças e idosos, tem sido constante no Conde. São cenas que não só envergonham a população do Município como aos visitantes.
É lamentável, pois coleta pública de lixo, água, esgoto, energia e saneamento são ações básicas e condições mínimas de vida. Se há problemas nesses setores, não se pode falar em melhoria de qualidade de vida. Infelizmente, no Conde, ainda se vê esse tipo de coisa.
“Olhem a situação do nosso município, cadê os vereadores da cidade que não fazem nada, temos que queimar o lixo e viver na Sodoma e Gomorra, engolindo fumaça tóxica para podermos viver sem porcos e cavalos, além de ratos, baratas e escorpiões nas nossas casas”, declarou um morador revoltado.
As fotos, o vídeo e as informações foram enviadas através de e-mail por moradores de Conde que não aguentam mais o descaso da prefeitura.

Portal do Litoral PB

Cunhã realiza Mobilização ‘Violência contra as mulheres é da nossa conta’ em Pitimbu

13658_598040046990863_3725254465986824621_n10308717_598039396990928_776961381200811151_n10413401_598039696990898_3706006355158168012_n10563215_598039690324232_6755156685090001777_n10730923_598040073657527_6738617916414308988_n
Durante todo dia desta quarta-feira (26), foi realizada a Mobilização ‘Violência contra as mulheres é da nossa conta!’ no distrito de Acaú em Pitimbu.
O objetivo do evento é de chamar a atenção para o problema que assombra mulheres em todo pais, onde são espancadas ou abusadas pelos seus companheiros.
Atualmente a Cunhã atua junto a cerca de 500 mulheres produtoras, em parceria com diversas organizações das regiões do semiárido e do litoral paraibano, como Concern Universal e Instituto Chico Mendes/RESEX/Acaú-Goiana-PE além das parcerias com a Prefeitura Municipal de Pitimbu, CRAS-Pitimbu, Associação das Marisqueiras Pobres de Acaú e Governo Estadual através da Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana.
Uma grande equipe foi montada para esse dia de mobilização onde foram realizadas inúmeras ações da Cunhã em torno da problemática da violência contra as mulheres, numa referencia ao dia 25 de novembro, Dia Internacional da Não Violência contra as Mulheres.
O dia foi marcado com palestras de conscientização, distribuição de material informativo sobre violência doméstica e cuidados com o meio ambiente, apresentações culturais como; teatro, dança de roda de coco das Marisqueiras de Acaú, Grupo Aruenda da Saudade, Grupo da Terceira Idade de Pitimbu, Grupo de flautas, e apresentação da cantora Lua Isa, além de inúmeros serviços oferecidos pela Prefeitura de Pitimbu como; cadastramento no Bolsa Família, emissão de documentos(CPF, Identidade, Carteira de Trabalho, corte de cabelo, cuidados bucal e outros serviços quais foram oferecidos durante todo dia.
O evento teve inicio às 09h da manhã e encerrou às 17h, em frente ao Mercado Veiga, no centro do distrito de Acaú.
Neste ano de 2014, a Secretaria de Segurança Pública do Estado registrou 78 homicídios de mulheres por seus companheiros ou ex-companheiros na Paraíba entre os meses de Janeiro a Outubro deste ano, confirmando que o machismo ainda é uma das principais causas da violência contra as mulheres.

Portal do Litoral 
Com Josivaldo Alves

Comarca de Caaporã se destaca no cenário judiciário paraibano em 2014


Fórum de Caaporã_17_11_09_ (152)
Fórum da Comarca de Caaporã
A Comarca de Caaporã foi eleita Modelo pela conquista, em setembro, do ‘Selo Bronze’ outorgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), devido a participação na I Semana Nacional do Júri, cumprindo a meta 4 estabelecida pela Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (ENASP), na qual estipula que todos os julgamentos referentes a ações penais de homicídios anteriores a 2009 teriam de ser realizados até dezembro deste ano.
A juíza titular da comarca, Daniere Ferreira de Souza, vem realizando ao longo de 2014 diversos processos criminais, principalmente em crimes contra a vida e tráfico de drogas. Não deixando de atender aos muitos processos familiares, hábitos de consumo e também questões fiscais.
“Como vara única, temos feito muito de tudo. Antes de chegarmos ao fim do ano, já atingimos a meta de processos a ser julgados em 2014. Estamos trabalhando para atendermos ao maior número de pessoas, mas infelizmente somos poucos para tantos processos”, relatou Daniere Ferreira, juíza há sete anos na Comarca de Caaporã.
Daniere Ferreira de Souza_17_11_09_ (65)
Juíza Daniere Ferreira
No quadro de funcionários, a Comarca de Caaporã conta com cinco servidores públicos, um assessor de juiz e quatro servidores requisitados. Além da juíza auxiliar, Dra. Conceição Marsicano, que juntamente com a juíza titular, Daniere Ferreira, têm cinco mil processos ativos e para esse ano tiveram como meta dobrar o atendimento à população.
Essa sobrecarga de processos, muito se deve ao crescimento acelerado que o município tem sofrido, devido sua proximidade com o município pernambucano, Goiana, região que devido ao seu desenvolvimento industrial influencia Caaporã, que está para receber cerca de 150 empresas, aumentando consequentemente o número de casos judiciais.
Entre as ações que foram desenvolvidas para melhorar o atendimento à população, a Comarca focou em cumprir a meta do CNJ, reduzindo as ações penais de crime contra a vida em pelo menos 60%. Priorizou realização de audiência de réu preso e houve também um esforço concentrado para promoção de diversas audiências de conciliação, evitando sobrecarregar o tribunal com pequenas causas, conforme revelou a juíza Daniere.
Na seara jurídica, além dos processos criminais, a juíza titular promoveu também três grandes campanhas sociais à população de Caaporã. Foram elas: a “Páscoa Doce e Feliz” que, em abril, conseguiu arrecadar e doar às crianças carentes cinco mil ovos de páscoa. Para o Dia das Crianças, 2.500 brinquedos arrecadados e entregues a garotada e na Campanha “Natal com Justiça”, que em 2013 arrecadou e distribuiu 15 toneladas de alimentos para famílias de baixa renda, cadastradas pelo Programa Saúde da Família, trabalha com perspectiva de no Natal deste ano aumentar o número de alimentos doados para 20 toneladas e continuar trabalhando para acelerar a tramitação processual do município.
Pro Gecom – com participação de Jullyane Baltar (estagiária)

Plenária sobre o homem do campo


Plenária sobre o homem do campo
 O evento contou com a participação de representantes de 13 municípios que compõem o território da zona da mata sul do estado, entre eles, Pitimbu, Conde e Caaporã

  A Prefeitura de Alhandra, através da Secretaria de Agricultura, realizou nesta quarta-feira (26), a primeira plenária territorial do município. O evento, que teve o objetivo de discutir políticas públicas voltadas para a melhoria do trabalho no campo, contou com a participação de representantes de 13 municípios que compõem o território da zona da mata sul do estado, entre eles, Pitimbu, Conde, Pedras de Fogo e Caaporã. Na ocasião foi realizada a eleição dos membros do colegiado da rede territorial.

O evento iniciou por volta das 10h, com a composição da mesa de abertura, composta pelo secretário de Agricultura de Alhandra, Severino Ramos, representantes do Ministério do Desenvolvimento Agrário e da Agricultura, e da equipe de articulação territorial. Em seguida foi realizada uma palestra para a apresentação da matriz do Programa Territorial de cidadania, fundamental para a discussão de um projeto para a busca de recursos e investimentos na área, ministrada pelo articulador territorial da Zona da Mata Sul, Marcos Aurélio.

Já à tarde, foi realizada a apresentação do levantamento das demandas municipais e a eleição para a escola dos membros do colegiado da rede territorial, composto por dois representantes da sociedade civil e dois do poder público, entre outras atividades.

O secretário explicou que a realização do evento é importante para discutir propostas e melhorar a qualidade do trabalho no campo. “Vamos trabalhar o tema para esclarecer os cidadãos sobre a importância da participação dele nas políticas públicas voltadas para o agricultor”, disse o secretário de Agricultura de Alhandra, conhecido como Seu Ramos.


Ascom

Renan e líder do DEM na Câmara quase brigam no Senado

Foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo
A sessão do Congresso Nacional destinada a votar o projeto que desobriga o governo a cumprir a meta fiscal de 2014 teve início nesta quarta-feira (26) com confusão. O líder do DEM na Câmara, Mendonça Filho (PE), discutiu e trocou gritos com o presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL) na mesa do plenário.


“Eu fui dizer a ele que ninguém me cala neste Parlamento. Quem me colocou aqui não foi ele não, foi o povo de Pernambuco”, disse Mendonça em entrevista a jornalistas, logo após deixar a mesa. “Existe um quarto regimento nessa Casa, que se sobrepõe aos três outros regimentos (da Câmara, do Senado e do Congresso), que é o regimento Renan Calheiros. Ele adapta à sua conveniência, ao seu tempo, de acordo com o que ele acha que deve ser feito”, criticou o deputado.


Acalmados os ânimos, Renan Calheiros, pediu “desculpas” pelos “excessos”. “Peço até desculpas pelos excessos, evidente, acho que todos temos que pedir desculpas, mas levemos adiante essa questão e realizemos essa sessão”, afirmou.


Os protestos da oposição, que é contrária ao projeto, começaram quando o senador Romero Jucá (PMDB-RO), no exercício momentâneo da Presidência do Congresso, abriu a sessão mantendo o quórum (número de deputados e senadores) registrado no fim da reunião da noite desta terça-feira (25).


Quando assumiu a presidência dos trabalhos, Renan Calheiros atendeu à demanda dos oposicionistas e passou a considerar somente as presenças registradas na sessão desta tarde. Ele decidiu, porém, aguardar 30 minutos pela chegada dos parlamentares, já que não havia quórum suficiente para abertura da sessão – 85 deputados e 14 senadores. Neste momento, estavam registrados 30 deputados e 10 senadores em plenário.


A oposição, então, sobretudo Mendonça, o líder do PSDB, Antonio Imbassahy (BA), e o líder do PPS, Rubens Bueno (PR) protestaram porque os 30 minutos, de acordo com o regimento, deveriam ter sido contados a partir das 12h00 e não das 12h30, como pretendia Renan.


Às 12h57, Renan anunciou que o quórum havia sido atingido (havia 125 deputados e 20 senadores) e que seria possível abertura da sessão. Neste momento, Mendonça Filho, da tribuna, começou a gritar “isso é uma vergonha”, “é um absurdo”, entre outros protestos.

O presidente, bastante exaltado, se dirigiu ao deputado: “vossa excelência pode tudo, mas não pode ficar gritando na tribuna”. Ambos continuaram trocando gritos até que Renan mandou que Mendonça se calasse. “Cale-se”, disse com o dedo em riste. O deputado teve o microfone cortado e, então, deixou a tribuna e se dirigiu à mesa onde Renan estava sentado. Eles continuaram discutindo. Do plenário, Rubens Bueno apontava ao presidente: “ditador, prepotente, o senhor faz parte dessa farsa”.


G1

Futuro ministro do TCU destaca lealdade de suplente Raimundo Lira: “É um amigo de todas as horas!”


Futuro ministro do TCU destaca lealdade de suplente Raimundo Lira: “É um amigo de todas as horas!”
Indicado pelo Senado para ocupar o cargo de ministro do TCU (Tribunal de Contas da União), o senador Vital do Rêgo Filho (PMDB) concedeu rápida entrevista ao PB Agora  nesta quarta, 26, e destacou os laços deamizade com o futuro senador o seu primeiro suplente o empresário Raimundo Lira (PMDB).


Ao ser questionado se tem se encontrado com Lira, Vital foi diplomático e elogiou o companheiro:


“Sempre! o senador Raimundo Lira é uma pessoa do meu convívio social e fraterno, sempre foi assim em episódios marcantes da minha vida e ele nosacompanha”, contou.


Vital também disse que todo o seu tempo foi consumido nos últimos dias pelo trabalho parlamentar.


“Há muitos anos ele e o seu irmão Francisco Lira, são fraternos companheiros de todas as horas, não é nesse momento que vai aumentar ou diminuir o nosso contato, a semana eu passei muito absolvido em colocar para votação dois projetos de minha relatoria: o novo Código Penal brasileiro e o Código de Processo Civil e na condição de relator tenho que entregar essas duas matérias até o final do ano para o país”, relatou.


Cargo -  Para exercer o cargo vitalício de ministro do tribunal, o candidato precisa ter notório conhecimento jurídico, idoneidade moral e reputação ilibada. Três dos nove ministros do TCU são escolhidos pelo presidente da República, a partir de uma lista tríplice elaborada pela própria corte. As outras seis vagas são preenchidas pelo Congresso Nacional. O tribunal é responsável pela fiscalização contábil, orçamentária e patrimonial da União.


A cadeira de Vital do Rêgo será ocupada por Raimundo Lira (PMDB), o primeiro suplente do Senado.


ENTENDA: O senador Vital do Rego Filho (PMDB) foi indicado oficialmente para ser presidente do Tribunal de Contas da União e depende apenas de uma sabatina e votações no Senado e Câmara do Deputados para ser concretizada a nova função.


Vital será o segundo paraibano a ocupar o cargo federal, o primeiro foi o ex-governador João Agripino que também implementou o Tribunal de Contas da Paraíba.O senador peemedebista se diz honrado e surpreendido com a indicação e o aval de mais de 75% da CasaLegislativa em torno do seu nome. Além disso se comprometeu com as causas do povo e do Brasil quando estiver no TCU.

"Depois de João Agripino, um homem com profundo conhecimento que trouxe nosso Tribunal de Contas, a ideia personificada na Paraíba, poderemos ter um novo ministro no TCU comprometido com as causas do povo e do Brasil", destacou Vitalzinho.


Henrique Lima 

PB Agora

Casé rebate acusações de mãe do DG


Casé rebate acusações de mãe do DG
 Depois de alguns dias em silêncio, Regina Casé usou as redes sociais nesta quarta-feira (26) para se pronunciar sobre as acusações de Maria de Fátima Silva, mãe de Douglas Rafael da Silva Pereira, conhecido como o dançarino DG, morto em abril deste ano durante ação da polícia militar na comunidade do Pavão-Pavãozinho, no Rio de Janeiro. “Pensei muito se deveria voltar a esse assunto ou não. Mas é que nos últimos dias fiquei triste e perplexa acompanhando a repercussão gerada pelas palavras e acusações, muitas delas cruéis e injustas”, escreveu.


Na quinta-feira (20), Maria de Fátima deu um depoimento criticando a postura da apresentadora em relação ao assassinato de seu filho, além de dizer que tem provas de que ela nunca quis fazer um programa para "pobre e periferia". “A senhora Regina Casé e a produtora do programa Esquenta! limitaram o que eu devia falar. Eu só deveria responder o que me perguntassem (...). Quando eu tentava falar sobre a violência da polícia, era cortada. Regina é uma farsa, uma artista, uma mentirosa."


Em um texto publicado no seu Facebook e Instagram, Regina Casé explica que decidiu quebrar o silêncio porque sempre lutou contra a “transparência e verdade”, então sentiu necessidade de dar satisfação sobre o caso. Leia o texto na íntegra.


“Pensei muito se deveria voltar a esse assunto ou não. Mas é que nos últimos dias fiquei triste e perplexa acompanhando a repercussão gerada pelas palavras e acusações, muitas delas cruéis e injustas, de Dona Maria de Fátima, mãe do DG.


No caso da morte do DG, fizemos tudo o que achávamos correto e digno. Quando fizemos um programa de despedida, foi de coração, recebemos todos os convidados desse dia com o mesmo cuidado de sempre. Talvez a única diferença tenha sido que a gente deu ainda mais atenção para Dona Maria de Fátima e sua família. Estávamos unidos no mesmo sentimento, pois a dor dela é a dor de muitas mães que convivem com a violência.

 

A minha história sempre foi de luta contra o preconceito, a desigualdade e as injustiças sociais, mas ela sempre foi também de respeito à transparência e à verdade. Por isso precisava dar essa satisfação a tanta gente (fãs, amigos e familiares) que tem estado ao meu lado o tempo todo. Obrigada por todo carinho. Este apoio tem me incentivado muito. Não vamos desanimar, mesmo quando for preciso lidar com situações tão difíceis como esta.”


Entenda o caso

Maria de Fátima participou da Semana de Reflexões sobre Negritude, Gênero e Raça (SERNEGRA), evento promovido pelo Grupo de Estudos Culturais em Gênero, Raça e Classe do Instituto Federal de Brasília (IFB) em comemoração ao Dia da Consciência Negra. Questionada pela plateia sobre a maneira com que a imprensa tratou o caso de seu filho, criticou publicamente, a apresentadora global - que, dias depois do assassinato, organizou um programa de homenagem a DG.


De acordo com Maria de Fátima, ela e toda a família foram levados de van, às 5h30, até o Projac. Ao chegar ao local, todos foram trancados em um cômodo pequeno com "uma comida horrorosa" (chamada por ela de "feno") e avisados que só poderiam sair dali no horário do programa. “Praticamente me arrancaram da minha casa e me levaram para a TV. A senhora Regina Casé e a produtora do programa Esquenta! limitaram o que eu devia falar. Eu só deveria responder o que me perguntassem (...). Quando eu tentava falar sobre a violência da polícia, era cortada. Regina é uma farsa, uma artista, uma mentirosa."


A única coisa que a ofereceram, ainda segundo seu depoimento, foi o auxílio de uma profissional para pintar as unhas e arrumar os cabelos. "Eu estava há 80 horas sem dormir. Lá ia querer saber de unha e cabelo? Só queria esclarecer a morte do meu filho", disse.


Em seguida, contou que teve acesso a uma agenda da produção do programa em que encontrou um esboço do roteiro da gravação. "Não pode falar que foi a polícia" e "Solta fotos sensacionalistas para a mãe chorar" eram alguns dos tópicos escritos. Além disso, Regina teria escrito em outra página que "nunca foi sua vontade fazer programa para pobre e periferia". "Já está nas redes sociais do meu filho. Tenho cópias. Posso provar na cara daquela cretina", afirmou, alegando que, depois do programa, nunca mais teve contato com a apresentadora.


Terra

Terra  

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Militares brigam no trânsito da capital, um atira no outro e morador de Pitimbu fica ferido

10670150_752777464798706_1901987720445335133_n10676163_752777218132064_6685008338055608743_n10696162_752789558130830_6040898821246366247_n
Um fato lamentável foi registrado no inicio da noite desta terça-feira(25). Uma discussão de trânsito entre dois militares vitimou com um ferimento a bala um morador da cidade de Pitimbu que passava pelo bairro Varadouro no Centro de João Pessoa.
As informações é que um sub-tenente do Corpo de Bombeiros colidiu seu carro na traseira de um veiculo que era dirigido pelo tenente Tavares do 12º BPM. Apresentando sintomas de embriagues o militar do Corpo de Bombeiros ficou revoltado com o acidente que ele mesmo provocou, sacou sua arma e atirou três vezes contra o tenente que por sorte não foi atingido. Porém, um senhor que passava pelo local, identificado como “Carlão” morador do assentamento Nova Vida em Pitimbu, não teve a mesma sorte e foi atingido por um dos disparos.
O tiro atingiu o abdômen da vitima que estava a passeio no Centro de João Pessoa. Ele foi socorrido para o Hospital de Trauma da Capital onde passa por cirurgia.

Portal do Litoral