Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

sábado, 1 de novembro de 2014

Depois de apoiar Aécio Neves, vice-governador vai se reunir com a cúpula do PSD para avaliar cenário nacional


Depois de apoiar Aécio Neves, vice-governador vai se reunir com a cúpula do PSD para avaliar cenário nacional
 O vice-governador e deputado federal eleito Rômulo Gouveia vai se reunir nos próximos dias com a cúpula do PSD para avaliar o cenário nacional. No segundo turno das eleições deste ano, Rômulo trocou o apoio orientado pelo seu partido o PSD de ficar do lado da presidente Dilma Rousseff (PT) para optar pelo tucano Aécio Neves (PSDB) atendendo pedido do senador Cássio Cunha Lima (PSDB).

Rômulo deve se reunir na próxima semana com o presidente do PSD, Gilberto Kassab, para participar  de um encontro com a bancada de 37 deputados federais eleitos, para definir a estratégia e a postura da bancada em relação às questões nacionais.

Na sua justificativa de apoio ao PSDB no segundo turno das eleições presidenciais Rômulo revelou que sua iniciativa de levar a legenda para o tucano se deveu a conjuntura local, onde apoia o candidato a governador o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) que apoia Aécio para presidente.


“Está ficando muito difícil de apoiar Dilma, liguei para o presidente do meu partido Kassab, explicando em função da questão local. Então na Paraíba apesar de seguir muito a orientação do meu presidente, que falei com ele domingo à noite e expliquei que é uma dificuldade enorme em função de uma seria de fatores seguir a orientação nacional. Então devemos seguir a condição local”, afirmou, Gouveia a declarar que trocou Dilma por Aécio no segundo turno.

Atualmente, o PSD participa do governo Dilma com o Ministério da Micro e Pequena Empresa, cujo ministro é o vice-governador de São Paulo, Guilherme Afif, considerado cota pessoal da petista. PBAgora 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog