Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Waldson destaca parceria com Ministério na campanha de vacinação contra pólio e sarampo

As Secretarias de Saúde do Estado (SES) e de João Pessoa participaram, nesse sábado (8), da abertura da campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo, que aconteceu na  Unidade de Saúde da Família do Bairro São José, na Capital.
As crianças que passaram pelo local foram surpreendidas com a estrutura montada, que ofereceu brincadeiras, banda marcial, distribuição de lanches, algodão doce e a apresentação de personagens de histórias infantis, além de Zé e Maria Gotinha.
O secretário de Estado da Saúde, Waldson Souza, destacou o esforço e a parceria do Ministério da Saúde para o cumprimento da meta junto aos estados e municípios. Ele ainda enfatizou que essas patologias estão sob controle na Paraíba, graças à eficiência das vacinas e das equipes de saúde envolvidas neste trabalho. “É importante mobilizar toda população para erradicar e eliminar essas doenças na Paraíba e em todo o país, por isso é importante o envolvimento de todos”, comentou o secretário.
No dia 22, está programado outro “Dia D”. A Campanha, que segue até o dia 28 deste mês, tem como meta vacinar contra a pólio 262.008 crianças com idade entre seis meses e cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias) e contra o sarampo, 233.567 crianças de um a cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias).
De acordo com a secretária de Saúde de João Pessoa, Mônica Rocha, a vacinação previne doenças. “Não podemos deixar que as doenças entrem em nosso município, estado ou país, por isso a importância das vacinas, pois previnem a entrada dessas doenças nos territórios. Faço um apelo a todos os pais e responsáveis que levem seus filhos a uma Unidade Básica de Saúde mais próxima de casa para atualizarem os cartões de vacina de seus filhos”, alertou Mônica Rocha. Ela acrescentou que mais de 50 mil crianças serão vacinadas só em João Pessoa.
A gerente Executiva de Vigilância em Saúde da SES, Renata Nóbrega, agradeceu o apoio do Ministério da Saúde que, por meio do Programa Nacional de Imunização, organizou toda a logística para os estados. Segundo a gerente, a vacina é a melhor forma de evitar as doenças e também surtos. Ela reforçou que a campanha segue até 28 deste mês, portanto, ainda dá tempo dos pais que não conseguiram levar os seus filhos neste sábado atualizarem as vacinas.
Gilson Venâncio, pai das pequenas gêmeas Carla e Claudia, de 4 anos, foi um dos primeiros a participar da campanha. “Saúde é coisa séria. É prioridade. A mãe delas está trabalhando, por isso cuidei de trazê-las aqui já no primeiro dia”, disse o pai.
Outro exemplo de cuidado é a mãe Daniele Aurora, que resolveu levar o pequeno Erinilson, de 3 anos, para vacinar também no primeiro dia. “Para mim, a vacina só faz bem, além de proteger a criança de doenças”, defendeu.
Dados – Entre 2013 e 2014, foram registrados 596 casos de sarampo no país, com maior concentração nos estados do Ceará (365) e Pernambuco (224). Na Paraíba, do início do ano até agora, 42 casos suspeitos foram notificados, mas nenhum foi confirmado. Já em 2013, foram 169 casos suspeitos notificados, desses, seis foram confirmados em João Pessoa, um em Cabedelo e dois em Caaporã.
Desde 1990 não são registrados casos de poliomielite, em todo país. Por conta disso, em 1994 o Brasil recebeu a Certificação de área livre de circulação do poliovírus selvagem, juntamente com os demais países das Américas. A vacina está disponível em todas as Unidades de Saúde da Família dos 223 municípios paraibanos. É necessário que os responsáveis pelas crianças levem o cartão de vacina para ser avaliado e colocado em dia, caso haja vacina em atraso. 

Redação com Secom-PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog