Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Apelidada como “legenda de aluguel”, Solidariedade pode receber desfalque também na Rainha da Borborema

Apelidada como “legenda de aluguel”, Solidariedade pode receber desfalque também na Rainha da Borborema
Não é apenas em João Pessoa que o Solidariedade, sigla comandada na Paraíba pelo deputado federal Benjamin Maranhão, pode receber desfalques para as eleições municipais de 2016, mas isso pode acontecer também na Rainha da Borborema.

É que o vereador de Campina Grande, Rodrigo Ramos, que foi eleito pelo PMN e trocou de legenda, migrando para o SD de Benjamin, já está novamente pensando em “mudar de barco” e abandonar a “legenda de aluguel”, apelidada assim porque serviu como uma espécie de brecha partidária para os políticos insatisfeitos. Informações obtidas pelo portal PB Agora dão conta que o parlamentar está prestes a desembarcar no PSL, de Tião Gomes.

A mudança se daria porque Benjamin já estaria ensaiando um apoio à reeleição do prefeito Romero Rodrigues, do PSDB, fato que Ramos não concorda. Diante da situação desconfortável e para não correr o risco de passar por um processo de insubordinação, o vereador campinense está se vendo obrigado a migrar de legenda, por não concordar com a decisão de Benjamin em levar a sigla para os braços do PSDB.

Pelo jeito o Solidariedade só pensa apenas nos interesses do comandante da legenda e, por isso, corre o risco de sair ainda mais enfraquecido para as eleições de 2016.


Em João Pessoa

No início do ano, por exemplo, o vereador Marmuthe Cavalcanti pediu a desfiliação da legenda, justamente por não concordar com a postura do presidente Benjamin Maranhão.

O parlamentar justificou que sofria discriminação política dentro do partido e por isso deixou a legenda. Marmuthe chegou a acusar o Benjamin Maranhão de querer obrigá-lo a votar nele para reeleição da direção do partido.


“Mais de 90% dos mandatários, ou seja, dos detentores de mandato do partido, vão apoiar a reeleição do presidente estadual, então só porque Marmuthe foi pego para Jesus Cristo? Talvez por discriminação. Talvez por eu ser de família política não ter apadrinhamento político, ser de um bairro humilde”, criticou à época.  




Com informações de Henrique Lima

PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog