Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Renato Mendes confirma pré-candidatura em Alhandra e dúvida que prefeito possa disputar

“Enquanto pregam que eu não posso ser candidato o prefeito está prestes a ser julgado pelo Tribunal de Justiça” 
DSC_0589
O ex-prefeito de Alhandra Renato Mendes (DEM), foi entrevistado na reinauguração da emissora Alhandra FM, neste sábado (23), momento em que confirmou sua pré-candidatura a prefeito pela primeira vez, reafirmando que além de ter seu nome escolhido pelo grupo de oposição, não existe nenhum impedimento jurídico contra sua candidatura, como vem sendo espalhado pelos adversários em Alhandra. Renato revelou que até o final de 2015, em todas as reuniões do grupo de oposição ele sempre era perguntado sobre sua candidatura e sempre manteve a cautela e o equilíbrio de dizer que estava nas mãos de Deus e na vontade do povo. A cidade de Alhandra é considerada a “mais rica” do litoral sul e uma das que recebem mais recursos na Paraíba. Renato Mendes lembrou que uma das grandes conquistas do último ano de sua gestão foi o repasse de royalties, com esse recurso extra ele teve a oportunidade de entregar praças, postos de saúde, reformar escolas, dentro outras benfeitorias. Porém, lamentou que a atual administração mesmo tendo recebendo royalties nesses quase quatro anos, não soube administrar a cidade.
“Eu acho que nós temos que ter opção, portanto eu digo hoje pela primeira vez que estou sim pré-candidato a prefeito de Alhandra. Faço questão de dizer publicamente na primeira entrevista do ano. Chegou a hora de falar em política, então meu nome hoje está à disposição dos partidos e faço questão de dizer aos amigos e aqueles que pregam que eu não posso ser candidato, que vou disputar a prefeitura da cidade com apoio e união da oposição. A situação prega que eu não posso, pedem, rezam e jogam nas ruas que eu não sou candidato. Eu penso diferente, eu peço, rezo que o atual prefeito possa ir para reeleição, porque eu acho que nós temos que ter ousadia, propostas, projetos e eu estou preparado para isso. Estou pronto para o embate, para o combate e espero que o prefeito venha às ruas comigo. As pessoas precisam de opção e eu sou uma opção para o povo julgar a gestão passada e a gestão que está no poder. Costumo dizer que quem ganha sem obstáculo, triunfa sem glória. Por isso que temos que ter o embate e mostrar quem é a melhor opção para Alhandra, fazer comparações e mostrar quem cumpriu promessas e quem não cumpriu”, declarou Renato Mendes.
DSC_0600
Durante a entrevista o ex-prefeito surpreendeu a todos ao duvidar que o prefeito Marcelo Rodrigues (PMDB) possa ser candidato a reeleição. “A diferença de Renato para Marcelo é que comigo fizeram um teatro, fizeram uma pirotecnia pois tinham que expor minha imagem naquele momento da Operação Pão e Circo. Agora, diferente de Marcelo, eu não o denunciei, não procurei imprensa para fazer circo com Marcelo, eu tenho pena de Marcelo, pois enquanto prega que é o novo, um homem de bem, está nas barras da justiça, com denúncia oferecida pelo Ministério Público, já acatada pelo Tribunal de Justiça e na mira. Vou só fazer uma comparação aqui, o pedido de impeachment da presidente foi por causa de uma pedalada, é semelhante ao caso daqui, o que aconteceu aqui foi um remanejamento, um crédito suplementar de 25 milhões sem autorização do legislativo. O Tribunal de Contas denunciou essa operação irregular, o Ministério Público ofereceu a denúncia e já está prestes a ser julgado pelo Tribunal de Justiça. Por isso que a candidatura do prefeito é duvidosa, mas, gostaria de ir para um embate nas ruas com ele”, pontuou.
DSC_0553
Renato continuou dizendo que quando chegar ao embate com o prefeito, não levará 15 metas mentirosas, como aconteceu com a atual gestão que prometeu e não cumpriu. Afirmando que o povo sabe o que ele fez por Alhandra e que sempre respeitou todas as religiões. “Sempre respeite evangélicos, católicos, espiritas, protestantes. Eu nunca agredi ninguém dentro de delegacia, eu abri o Samu ele fechou, eu abri o CAPS ele fechou, eu abri o PSF de Mata Redonda II ele fechou, coloquei médico no final de semana no PSF I de Mata Redonda e o médico foi retirado, coloquei iluminação em Subaúma e ele apagou por um longo tempo, eu coloquei água, tirei a lata d’água das cabeças de famílias em Subaúma, ele retirou a bomba e as famílias padecem”, lamentou Renato.
O ex-gestor que passou oito anos no comando da prefeitura, lembrou que no seu primeiro mandato fez várias obras em Mata Redonda, distrito que hoje está abandonado pela atual gestão, destacando que construiu um ginásio de esportes, posto médico, creche, escola, calçou várias ruas, tudo isso em apenas quatro anos. Na ocasião, ele também lamentou que a política de emprego e renda foi interrompida, pois a última grande empresa que se instalou em Alhandra foi a Elizabeth Cimentos, conquistada em sua gestão. Desde o ano de 2012 nenhuma outra empresa chegou à cidade. “O país vive uma crise, mas Alhandra não tem crise. Eu deixei a maior herança da história de Alhandra que foi a conquista de Royalties de petróleo que chegou no meu último ano de mandato, eu tive um ano de roayalties, o prefeito atual tem quatro anos, eu peguei no fim e ele no início, foi uma conquista da nossa gestão, é por isso que tentam impedir e espalham nas ruas que não serei candidato, pois sabem que contra obras e ações, não há argumentos”, disse.
DSC_0637
Ele também falou sobre a Operação Pão e Circo da Policia Federal, onde durante a campanha de 2012 foi detido para prestar esclarecimentos sobre licitações de festividades. “Quando chega 2016 e eu venho às ruas e digo que sou candidato a prefeito, é porque eu não temo. Nossos adversários não tem o que falar de mim e vivem espalhando que não serei candidato por causa dessa operação, pois temem o meu nome. Mas, minha pré-candidatura está garantida. Uma coisa é você denunciar e outra coisa é você provar. Um caso parecido com o meu é o do ex-prefeito Cicero Lucena, quando prefeito de João Pessoa, passou por um momento semelhante, falavam de superfaturamento de viaduto que apelidaram de Sonrisal, fizeram o maior escândalo contra o prefeito e oito anos depois nada foi comprovado, Cicero foi inocentado de todas as acusações e foi eleito senador. Todos os processos contra ele foram arquivados. Digo com muita precisão e com muita certeza, daquela operação eu não fui denunciado. Como é que tem condenação, se não existe a denúncia? Então confirmou que sou pré-candidato a prefeito, pois acima de tudo eu confio em Deus e nunca perdi a minha fé. A minha consciência está muito tranquila. Eu não tenho uma imputação de débito pelo Tribunal de Contas, não tenho imputação de débito pelo Tribunal de Justiça… Portanto, sou pré-candidato e serei candidato com fé em Deus e o desejo do povo alhandrense”, finalizou Renato Mendes.
12509914_1038047309587961_2562105630075391512_n
Os adversários contavam com a inelegibilidade de Renato Mendes, porém ele permanece ficha limpa, sem condenações e pronto para disputar. “Ninguém pode ter a pretensão de dizer eu quero, eu sou, eu posso. Primeiro tem que ter o consentimento de Deus e a vontade popular, pois só acredito em candidatura quando ela vem do povo. Nas reuniões, sempre disse que meu nome estava à disposição do partido, porque temos vários partidos que fazem parte da base com bons nomes que também poderiam disputar. Eu sempre fiz questão de deixar claro que eu seria apenas um soldado. Chegamos em 2016, a história mudou, pois fizemos reuniões e os presidentes de partido, os pré-candidatos a vereadores, o consenso que chegamos entre eu, Branco Mendes e Gorete Mendes, Victor Braga e outras lideranças do nosso município, ouvimos os amigos de Mata Redonda e os amigos da Zona Rural, então as eleições estão bem próximas e aqueles que pregavam que Renato estaria inelegível, quebraram a cara”, encerrou.

Audio Player


Portal do Litoral 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso blog